Condições das ruas no Bairro São Romero gera indignação dos moradores

2 de abril de 2018 08:42 | Comunidade , Estrada , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Condições das ruas no Bairro São Romero gera indignação dos moradores Ruas no Bairro São Romero. (Fotos: Maria Luiza)

As condições da Rua Palmendio Giordani, no Bairro São Romero em Xanxerê está gerando indignação para os moradores. Na última semana, uma das moradoras do local utilizou as redes sociais para relatar a situação.

“Nossa cidade é o espelho de nossa administração. Não é apenas esta rua, não é só neste bairro, o problema está por toda parte. Em dias de sol, poeira que não acaba mais. Em dias de chuva, buracos que não acabam mais. E assim vamos seguindo dias, meses, anos e é assim a mais de 10 anos. Passaram-se uma, duas, três, sei lá quantas administrações na prefeitura e nada nunca foi feito. Até quando?! Para que pagar impostos se nada é feito? Aaah mas a prefeitura manda tapar os buracos. Sim, faz isso mesmo. E até quando nosso dinheiro vai ser gasto tapando buracos? Até quando nossos governantes vão ficar ‘tapando buracos’ em tudo que fazem?! Queremos algo de qualidade, pois nossos impostos são pagos para que tenhamos serviços de qualidade! Por hoje sem mais”, disse Maria Luiza em uma publicação.

O pedido por melhorias em diversas ruas dos bairros de Xanxerê é uma reivindicação antiga dos moradores. No início do mês de março a Prefeitura de Xanxerê estava em processo de compras de materiais para a realização da operação tapa-buracos. Até então as melhorias estavam sendo feitas de forma paliativa.

Na última semana, em entrevista ao LANCENOTICIAS.com.br, o Secretário de Obras do município, Rivael Freschi, destacou que com a com a chegada do material os serviços foram retomados, porém, as máquinas devem ser deslocadas para o Parque da Femi para que sejam feitas as melhorias para a ExpoFemi 2018, depois disso, os trabalhos de melhorias devem voltar a serem realizados nos bairros.

 

 

 

 


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais