(49) 9 9827.3230

Falta de água no Bairro Tacca gera debate

17 de outubro de 2017 - 09:25 / Comunidade Lance Notícias Xanxerê | Comentários
Falta de água no Bairro Tacca gera debate Foto: Divulgação

Na sessão da Câmara de Vereadores desta segunda-feira (16) em Xanxerê, foi recebida a correspondência solicitada pelo vereador Wilson Martins dos Santos, a respeito de informações sobre projeto de melhoria no abastecimento de água na região do Bairro Tacca.

De acordo com a Casan está sendo realizado um estudo para a construção de uma adutora que visa conduzir água da Estação de Tratamento direto para a região noroeste da cidade de Xanxerê.

Confira a correspondência:

Da Casan – Superintendência de Negócios Regional Oeste respondendo o Requerimento Verbal do vereador Wilson Martins que solicitou informações sobre projeto para melhoria no abastecimento de água na região do B. Tacca. Informou que a Casan está realizando estudo de traçado de adutora em Xanxerê. Conforme relato técnico da Gerência Operacional, a adutora em estudo visa aduzir água da Estação de Tratamento direto para a região noroeste da cidade de Xanxerê e futuramente, com a ampliação do SAI-Chapecozinho, a adutora também servirá para abastecer futuros empreendimentos que venham a ser instalados entre a cidade e o contorno viário norte, atendendo o crescimento da região.

O vereador Wilson, destacou em sua fala durante a sessão, que a empresa assumiu um compromisso ainda em 2002, onde deveria realizar o investimento de R$ 15 milhões para captação e estrutura de distribuição de água.

“Eu aguardava receber uma outra resposta, recebi aqui de que está no projeto da Casan a construção de uma adutora para trazer água do Rio Chapecozinho, para distribuir para toda a região, até para Chapecó. Sabendo que o contrato de concessão em 2002, que o município firmou com a Casan, assumiu o compromisso de fazer o investimento de mais de R$ 15 milhões para captação e estrutura de distribuição de água, não fazendo qualquer menção assumida naquela data”, destaca o vereador.

Outras localidades também reclamam de falta de água e ações deveriam ter sido tomadas, segundo o vereador.

“Nós estamos quase de forma solitária, convocando uma audiência pública para discutir isso, algumas coisas fogem da nossa alçada enquanto vereador, mas estamos aqui levantando as discussões do Bairro Nossa Senhora de Lourdes, Leandro, Condomínio Beija-Flor, que tem reclamado constantemente da falta de água, na semana passada foram mais de três dias. Estamos recebendo essas informações praticamente todos os dias, de falta de atenção, de falta de investimento que as concessionárias de serviço público estão tendo um descaso com a população xanxerense. Estão levando os recursos, mas não estão fazendo a contrapartida, que é uma prestação de serviço de qualidade”.

O vereador sugere que uma audiência pública seja realizada para prestações de conta e discussão da satisfação da população.

“Insistimos ainda sim, em cobrar uma audiência pública novamente para discutir a satisfação do povo xanxerense, relação e serviço prestado pela Casan, bem como uma prestação de contas daqueles valores que foram assumidos, e que até 2015 eles deveriam ter feito esses investimentos, e não fizeram, não foi feito nenhum termo aditivo para dispensa-lo. Então ela está inadimplente com o contrato, se qualquer um de nós consumidores deixar de pagar um mês a conta de água, a Casan vai lá e corta. Agora a Casan está inadimplente com o nosso povo desde 2002 e estamos aqui pacificamente aceitando tudo isso e dinheiro público indo todos os meses para os cofres da Casan”, conclui.

 

 

Por: Rafaela Forchesatto

Deixe seu comentário