(49) 9 9827.3230

Organizadores agradecem participação da população na 1ª Semana do Folclore

30 de agosto de 2017 - 07:33 / Comunidade Cultura Xanxerê | Comentários
Organizadores agradecem participação da população na 1ª Semana do Folclore Fotos: Divulgação

A Semana do Folclore instituída em Xanxerê foi de muito envolvimento e reconhecimento pela dedicação de muitas pessoas, entidades e associações, que junto com a Prefeitura, Departamento de Cultura, Sesc Xanxerê e Secretaria de Educação realizaram uma festa muito bonita de 21 à 25 de agosto.

O vereador Ricardo Lira da Costa autor do Projeto de Lei que institui a Lei de Reconhecimento e Promoção dos Mestres e Mestras dos Saberes e Fazeres da Cultura Popular destaca o objetivo do mesmo.

“Este Projeto de Lei visa principalmente, a preservação do patrimônio cultural imaterial do município nas mais diversas manifestações da cultura popular brasileira. Além de significar universalização do acesso à cultura, custodiar e zelar pelo registro e pela continuidade destes saberes e fazeres populares”.

Toda equipe de organizadores, registra um agradecimento especial para a Associação Cultural Vozes da Campina que apresentou canções do folclore brasileiro sob a orientação do maestro Elirio Galeli; o artista e poeta Milton Luiz Vieira Junior pela exposição de presépios temáticos; e o Grupo de Reis de Xanxerê.

Destaque também para a participação de alunos da APADAVIX que tiveram um momento destinado à inserção na literatura do escritor Ricardo Azevedo e conheceram a estrutura da Câmara Municipal. Teve ainda o Cinema Inclusivo, agraciando alunos da APAE e APADAVIX que foram recepcionados pelo palhaço Meia Noite.

No encerramento da programação, a presidente do Grupo Braspol Xanxerê, Ivete Goralski, falou da história, a cultura e as tradições polonesas. Adriano Vitorazzi do Centro Cultural Artístico Resistência Popular apresentou uma roda de capoeira angola.

O Grupo Escoteiro Caingangue, representado pelo professor Valter José Ebertz, destacou o papel do contador de histórias no Movimento Escoteiro, e apresentou a opereta Santa Catarina (história narrativa da vida e morte de Santa Catarina de Alexandria, patrona do nosso Estado homônimo). Também interpretou um “Talian em Brasil”, apresentando-se como o turista italiano Gualtieri Josepi, contanto “frotole” do cotidiano do centro e norte da Itália e dos imigrantes da região do Vêneto que aqui vieram, como pioneiros, para desbravar a região Oeste.

O casal Leocir e Marli Dagostini, caracterizados de imigrantes italianos, apresentaram pratos típicos e trouxeram as tradicionais caieiras de polenta (panelas), sporta (cesta de palha) e muitas informações, descontração e alegria para o evento.

Representando a imigração italiana, a Sra. Marli Dalla Betta, devidamente caracterizada apresentou seus pães e bolachas caseiras e artesanato com bordados em toalhas de rosto e banho, e as cuias de chimarrão ricamente ornadas com pérolas coloridas.

Um agradecimento para todas as escolas que atenderam ao convite da secretaria de educação do município. Dias 24 e 25 a Feira do Folclore apresentou os trabalhos produzidos com os alunos que enfatizaram os brinquedos e brincadeiras ao longo do tempo, desenhos, poesias, lendas, mitos, parlendas, trava línguas, chás e ervas medicinais, e a história do folclore.

A equipe da Câmara Municipal de Xanxerê agradece a todos que participaram da elaboração da programação, das apresentações e montagens, aos meios de comunicação pela divulgação, considerando que foram dias de muito aprendizado e compartilhamento de saberes, sabores e cultura, que deverão ser repetidos no próximo ano.

Assessoria de Imprensa

 

Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário