(49) 9 9989.9002

Para os intolerantes a leite, glúten e ovos, a Páscoa também pode ser doce

26 de março de 2018 - 11:49 / Comunidade Variedades Xanxerê | Comentários
Para os intolerantes a leite, glúten e ovos, a Páscoa também pode ser doce (Foto: Divulgação/Rede Social)

A época de Páscoa é tradicionalmente marcada pela comercialização e consumo do chocolate, ressaltada principalmente através dos ovos de Páscoa. Desde ovos de personagens até os ovos de colher, há diversas opções para agradar todos os públicos. Além disso, as produções artesanais também começam a trazer opções mais saudáveis para quem busca aproveitar a data mas sem exageros.

Em Xanxerê a jornalista Larissa Damian, empreendedora do La Emília Cozinha Funcional produz opções de alimentos mais saudáveis inclusive para a páscoa. A empresa começou quando Larissa descobriu que seus filhos gêmeos eram intolerantes ao glúten e a lactose.

“Sou jornalista de formação, engravidei dos gêmeos e decidi ficar em casa para cuidar deles e nesse caminho eu descobri que eles são intolerantes ao glúten e a lactose. No início foi um processo difícil, porque aparentemente da uma sensação de que eles não podem mais comer nada e a gente também teve que adaptar toda a questão da casa, nem nós não podíamos consumir glúten, porque qualquer partícula já era um problema para eles. Foi uma adaptação para toda a família, pois não encontramos muitos produtos nos mercados e tudo muito industrializado. A partir daí eu passei a procurar receitas para fazer para nós, como pães e bolos. Parecia que nunca ia dar certo, foi jogado muita coisa fora até que começou a dar certo”, conta.

A partir dai Larissa começou a compartilhar suas receitas nas redes sociais e seus amigos e conhecidos começaram a procurar pelos produtos, o que levou a jornalista a estruturar a empresa. Após realizar diversos cursos na área hoje todos os produtos da La Emília Cozinha Funcional são sem glúten, sem lactose e muitos também não levam ovos na receita.

Opções para a páscoa

Por conta da forte cultura do chocolate nessa época de Páscoa Larissa percebeu a necessidade de produzir algo mais saudável e uma opção para pessoas que apresentem algum tipo de intolerância possam aproveitar a data.

“Virou uma cultura muito forte essa questão do chocolate e sabemos que se for ler os ingredientes dos chocolates tradicionais tem muitos ingredientes industrializados. A partir disso eu comecei a pensar o que eu poderia fazer de diferente para essa data para que, primeiro, quem tivesse restrição tivesse a oportunidade de comer alguma coisa relacionado a essa data e também para que pessoas que quisessem algo mais saudável tivessem essa opção” explica.

No ano passado a opção para a Páscoa eram os bolinhos feitos na casca de ovo e os biscoitos decorados. Para esse ano, permanecem os biscoitos e ovos de páscoa com massa de biscoito e uma camada de chocolate 70% cacau.

“Estamos fazendo os ovos de páscoa feitos de massa de biscoito e essa massa além de sem glúten e sem leite é sem ovo também, então alérgicos ao ovo também podem comer e por dentro da massa vai uma casca de chocolate 70% para não fugir muito também para quem gosta do chocolate. Na massa tem cacau 100% e no chocolate 70%. O chocolate também é limpo de glúten, leite e ovo, para garantir as restrições alimentares”, frisa.

Segundo Larissa, dentre seus clientes há uma grande quantidade de pessoas que busca esses produtos para ter uma alimentação mais saudável, não necessariamente porque tenham alguma restrição alimentar.

“No geral, a maioria dos meus clientes são pessoas que estão buscando uma alimentação mais saudável, que estão vendo a necessidade de fugir desses produtos industrializados e buscam algo mais natural. Tenho clientes com restrições alimentares, mas a grande maioria são pessoas que buscam essa alimentação mais saudável” conclui.

Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário