PM realiza policiamento nas comunidades para combater crimes na zona rural

9 de agosto de 2018 15:27 | Comunidade , Lance Notícias , Polícia , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
PM realiza policiamento nas comunidades para combater crimes na zona rural PM realiza policiamento nas comunidades para combater crimes na zona rural. (Foto: PM)

Com o objetivo de aumentar a segurança nas comunidades do interior de Xanxerê, a Polícia Militar de Xanxerê possui implantado o programa de Patrulha Rural desde o ano de 2013, o qual cumpre o cronograma de operações nas respectivas localidades.

De acordo com o subcomandante da 4º Companhia de Polícia Militar de Xanxerê, 2º tenente Rafael Forchesatto, o policiamento é desenvolvido de acordo com um planejamento, pautado nos princípios da polícia comunitária.

“O objetivo da Patrulha Rural de Xanxerê é estreitar ainda mais o laço de amizade com a população rural aumentando, assim, o grau de confiança na equipe Patrulha Rural. Em parte, isto deve ser motivado pelos resultados obtidos, bem como uma resposta positiva e à altura merecida também pela população que vive e trabalha no campo. No contato pessoal, os policiais militares tomam conhecimento da rotina das comunidades e repassam orientações importantes de como se precaver diante de furtos e roubos ocorridos nas propriedades e como agir em determinadas situações”.

Além disso, a Patrulha Rural realiza, além o policiamento preventivo (festas, competições esportivas e outros eventos em geral), fiscalização de trânsito, bloqueios em estradas rurais apresentadas como rota de passagem usada por cidadãos infratores para fuga com veículos furtados, contrabandos, tráfico de drogas e de armas.

“Combater o crime na zona rural é sem dúvida uma questão das mais complexas e não se deve resumir apenas em ações policiais. Para a obtenção do sucesso na atuação da polícia junto às pessoas residentes na zona rural, para implementar e consolidar a filosofia do policiamento rural é preciso que sejam criadas condições favoráveis para o envolvimento tanto de representantes dos órgãos públicos, de entidades representativas, bem como dos próprios moradores da zona rural, a fim de internalizar a necessidade de uma mudança comportamental que leve o homem do campo a adotar hábitos e posturas com caráter preventivo às ocorrências de eventuais delitos”, destaca Forchesatto.

A Polícia Militar de Xanxerê dá dicas de medidas de segurança que possam ser tomadas pelos moradores:

– Uma das soluções mais utilizadas para proteger uma propriedade privada é a instalação de cercas. Além de instalá-las em locais estratégicos, é necessário utilizar material resistente, que não permita a passagem de animais ou pessoas;

– Além disto, os animais também podem contribuir com a segurança do espaço. Os gansos são uma ótima solução para estes casos, pois gritam alto para qualquer ruído estranho e ainda ficam alertas boa parte da noite;

– A utilização de alarmes sonoros, sensores de presença e cercas elétricas são ideais em propriedades;

– Uma dica importante é evitar várias entradas de acesso à propriedade rural. O ideal é manter uma única porteira ou portaria. Dessa forma, a vigilância poderá ser melhor controlada;

– O trabalhador rural deve estar atento quanto ao material utilizado no trabalho. Nunca deixar em exposição ferramentas, escadas e outros objetos de trabalho para não facilitar a entrada do invasor pelo teto, ou arrombar portas e janelas. Maquinários agrícolas, automóveis, e produtos de grande valor devem ser guardados em locais fechados para não chamar atenção dos desconhecidos;

– Portas, janelas e cercas são fundamentais para evitar o acesso das pessoas. Por isso, o material utilizado deve ser de boa qualidade para dificultar a violação. As janelas devem ser protegidas por grades ou telas que, além de proteger contra os criminosos, também protegerá contra animais e insetos;

– O cachorro que já é considerado o melhor amigo do homem também é um excelente cão de guarda. Geralmente, ele serve de alerta para a entrada de pessoas estranhas;

– Evite comentar sobre assuntos relacionados a situação financeira pessoal, aquisição de bens, herança e produtos com alto valor;

– Ao se aproximar do imóvel verifique sinais exteriores de irregularidade, não deve ter pressa para entrar na sua propriedade, sempre se atentar aos detalhes que não estivem iguais aos deixados de quando saiu;

– Avisar um parente ou vizinho de confiança quando se ausentar por longos períodos da propriedade.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais