Xanxerenses conquistam Carteira Nacional do Artesão

6 de abril de 2018 09:52 | Comunidade , Cultura , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Xanxerenses conquistam Carteira Nacional do Artesão Imagem Ilustrativa (Foto: Alessandra Oliveira/Lance Notícias)

Durante a quinta-feira (5) estiveram presentes em Xanxerê duas representantes da Secretaria Estadual de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (SST) realizando um cadastro de artesãos e seus produtos. Esse cadastro visa a emissão da carteira dos artesãos catarinenses que garante diversos direitos e benefícios a esses profissionais.

Conforme a técnica administrativa da SST, Juliane Linhares, a secretaria é responsável pela emissão dessas carteirinhas e ela acontece apenas em Florianópolis. Visto isso, até o ano passado o artesão precisava ir até a capital para realizar o cadastro e ter sua carteirinha. Agora esse serviço foi descentralizado e diversos profissionais de diferentes regiões do Estado foram capacitados para realizar esse cadastro nas cidades em que estão os artesãos.

“O município de Xanxerê nos chamou e estamos fazendo as avaliações. Estamos fazendo o cadastro dos artesãos e dos produtos também, avaliando se realmente é um artesanato ou um produto manual, cadastramos somente o que é artesanato. Posteriormente vamos digitalizar todo esse material e encaminhar para a Capital para a emissão da carteirinha”, comenta.

Segundo Juliane, a carteirinha traz diversos benefícios aos artesãos. Entre eles a possiblidade de comercializarem seus produtos em outros locais do país e também fora dele. Sem a carteirinha os artesãos só podem comercializar seus produtos dentro do município.

“Essa carteirinha identifica o profissional como artesão, se ele precisar emitir uma nota fiscal ela será isenta de ICMS se a nota circular apenas dentro do estado. Eles tem mais acessos a feiras nacionais e internacionais. Eles também tem facilidade de acesso a microcréditos. Podem também contribuir com o INSS para fins previdenciários como profissional artesão. Esses são alguns benefícios que a carteirinha traz para esse profissional”, explica.

A carteirinha tem validade de quatro anos e precisa ser renovada após esse período com a apresentação de novos produtos feitos pelo artesão.

O Diretor de Cultura do município, Diego Gonçalves destaca que já completou um ano desse novo processo no município, onde os artesãos e artistas locais passaram a se cadastrar junto ao departamento. Segundo ele, o setorial dos artesãos é um dos mais movimentados e que conseguir a emissão da carteirinha foi uma conquista.

“Foi uma conquista. Essa carteirinha nacional foi solicitada desde o começo do projeto, até para ter uma identidade no município e no Brasil, então essa carteirinha vem para regulamentar isso e deixar essa identidade presente também. Isso é um exemplo para outros setoriais que estão começando. Está sendo mais puxado um pouco, mas o setorial do artesanato começou pequeno e hoje já é um movimento grande. Ficamos bem contentes enquanto Departamento de Cultura e prefeitura por estar valorizando esses profissionais e eles também estão se sentindo valorizados”, frisa.

O cadastramento e avaliação foi dividido em duas etapas, pois são mais de 80 artesãos cadastrados no município e essa primeira etapa contemplou apenas 50 deles. Segundo Diego o departamento busca realizar uma segunda etapa desse cadastramento para contemplar os outros artesãos.

“Fica de exemplo para outros setoriais que a gente só consegue avançar tanto na cultura quanto nas políticas da área se tiver esse pensamento coletivo. É importante destacar essa coletividade e esse sentimento de união. Essa conquista foi pela união, pelo coletivo”, conclui Diego.


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais