Adenilso Biasus faz avaliação do período que esteve à frente de uma secretaria estadual

11 de janeiro de 2019 14:11 | Política , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Adenilso Biasus faz avaliação do período que esteve à frente de uma secretaria estadual (Foto: Governo do Estado de Santa Catarina)

O xanxerense Adenilso Biasus assumiu, ainda no mês de março de 2018 a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico Sustentável. Permanecendo dez meses à frente da pasta, Biasus conseguiu recursos que foram investidos em Xanxerê, assim como o desenvolvimento em todo o estado.

De acordo com Biasus, foram realizados investimentos tanto no desenvolvimento econômico, com o exemplo de abertura de novas empresas e geração de empregos, como também na área ambiental, onde foram liberadas diversas licenças.

Em Xanxerê, os investimentos foram para a construção do Laboratório de Estudos de Incêndios Florestais, inaugurado no mês de dezembro, feito com um montante de R$ 500 mil da Secretaria. E, outros R$ 500 mil foram investido na limpeza do Rio Xanxerê, ação de que deve ser concluída em março deste ano.

– O Laboratório de Estudos de Incêndios Florestais é importante porque é o único da América do Sul, onde o Corpo de Bombeiros e acadêmicos poderão estudar mais sobre o comportamento do fogo, pois os incêndios florestais trazem bastante prejuízos para Santa Catarina também. Destinamos também cerca de R$ 500 mil para a limpeza do Rio Xanxerê, ação que está sendo feita para evitar alagamentos na cidade e deve ser finalizada em março deste ano – comenta.

A nível de estado, Biasus destaca que diversas empresas escolheram Santa Catarina para construir sua sede, o que movimentou a economia do Estado e também acelerou a geração de empregos.

– Há pouco anunciamos também um alto investimento em algumas cidades com a instalação de novas empresas. Trouxemos a operação da GM para o porto de Itajaí. Ajudamos a garantir um investimento em São Lourenço do Oeste, garantindo mais de R$ 200 milhões para uma fábrica de biscoitos. Nesse período que estive a frente da Secretaria conseguimos viabilizar cerca de R$ 5 bilhões de investimentos no estado, o que resultou em geração de renda e empregos, mexe com a carga tributária também – pontua.

Outro ponto destacado por Biasus foram os investimentos feitos em tecnologia. Ao todo no estado são 13 novos centros tecnológicos, sendo que dois deles já foram inaugurados e os outros 11 seguem em fase final de construção, com inauguração prevista ainda para este ano.

– Trabalhamos no setor de inovação e tecnologia, construindo centros de tecnologia no estado, sendo que dois foram inaugurados e 11 estão em andamento e devem ser inaugurados neste ano. Esses centros vão permitir que as pessoas e empresas possam buscar novas tecnologias e gerar novas oportunidades. Santa Catarina já é referência nacional no setor de inovação e tecnologia e nós desenvolvemos isso também por meio da Secretaria – destaca.

E, no meio ambiental, o xanxerense destaca a liberação de licenças ambientais, que devem auxiliar no crescimento econômico do litoral

– Entregamos licenças muito importantes como o alargamento das praias de Balneário Camboriú e também em Canasvieiras, em Florianópolis. Em Balneário, será aumentado cerca de 30 metros de faixa de areia. Essas licenças irão possibilitar que sejam feitos mais investimentos no estado. Nesse ano, são mais de R$ 70 bilhões em investimentos no estado que aguardam apenas a liberação de licenças ambientais – conclui.


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais