Beneficiários do BCP ainda tem prazo para realizar recadastramento

4 de janeiro de 2019 09:28
Comunidade , Social , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Beneficiários do BCP ainda tem prazo para realizar recadastramento Secretaria de Assistência Social (Foto: Alessandra Oliveira/Lance Notícias)

Ainda no ano passado, a Secretaria de Assistência Social informou às pessoas que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) que deveriam realizar um recadastramento para continuar recebendo o auxílio. Isso se fez necessário devido algumas mudanças governamentais.

O BPC é direcionado para as pessoas que possuem renda familiar per capita menor que ¼ de salário mínimo e tenham na sua composição pessoa com deficiência ou idoso com 65 anos ou mais.

Inicialmente, o prazo era até o dia 31 de dezembro de 2018, mas, que foi prorrogado para este ano, dividido em quatro lotes, conforme a idade do beneficiário. Por exemplo, nascidos entre janeiro e abril, tem até o quarto mês do ano para realizar o recadastramento. Caso este não seja feito, o benefício será suspenso a partir do mês de maio.

Além disso, há beneficiários que realizaram o recadastramento e estão recebendo um aviso para que esclareçam divergências nos dados informados. O prazo para apresentar sua defesa é de dez dias, a contar da data de recebimento da notificação.

– O Governo Federal está fazendo uma revisão e, quando encontra uma divergência, entra em contato com o beneficiário, para que esta seja esclarecida. Mas, o que está acontecendo, é que algumas pessoas não estão recebendo esse aviso e só se dão conta quando o benefício é suspenso e eles precisam entrar com recurso no INSS – comenta Samantha Roloff, assistente social.

Nesses casos, tanto quando o beneficiário recebe o avisa, como quando ele tem o benefício suspenso, deve procurar a Assistência Social para que seja feita a defesa ou a entrada com recurso. Até que a situação não seja esclarecida, o benefício ficará suspenso.


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais