Cães que atuam em Brumadinho receberam certificações em Xanxerê

4 de fevereiro de 2019 19:16 | Bombeiros , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Cães que atuam em Brumadinho receberam certificações em Xanxerê Foto: Divulgação

Preparados para atuar em busca e resgate. Essa é a característica dos mais de 20 cães que atuam em Brumadinho (MG), após o rompimento de uma barragem. Mas, o que poucos sabem, é que parte dos cães passaram por Xanxerê.

De acordo com o tenente coronel do 14º Batalhão do Corpo de Bombeiros de Xanxerê, Walter Parizotto, muitos dos cães receberam certificações aqui no município.

– Não existiria cinotecnia em Santa Catarina, se não existisse Xanxerê. Tudo passa por Xanxerê. O homem é formado aqui, depois ele vai, trabalha, volta no decorrer da sua carreira para avaliação e certificação – comenta.

Dos cães que lá estão, seis são filhotes da Malu, aqui de Xanxerê.

– Dos cães que lá estão, seis são filhotes da Malu. São de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro. Hoje, atuam lá mais de 20 cães. Nesta semana, eles vão fazer os testes e avaliações para ver quais são os mais capacitados para seguir com as atividades. Vale destacar que vários cães, se não todos, já passaram por certificações em Xanxerê – diz.

Situação no local

Os bombeiros encontraram ao menos três corpos que estavam em um vestiário da Vale e outros na área próxima a um trem, nesse domingo (03), o que fez o número de mortos da tragédia de Brumadinho, Minas Gerais, subir de 121 para 134 nesta segunda-feira (04). Desses, 120 já foram identificados, e outros 199 seguem desaparecidos.

A retirada das vítimas foi possível porque a estrutura do vestiário colapsou apenas parcialmente, formando chamados “espaços vitais isolados” e impedindo que o local fosse totalmente invadido pela lama.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais