Caixa Econômica de Xanxerê atende em horário diferenciado para tirar dúvidas de trabalhadores sobre FGTS Inativo

15 de fevereiro de 2017 14:11
Comunidade , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp

Na última terça-feira (14) a Caixa Econômica Federal divulgou o cronograma de saque do FGTS Inativo das contas dos trabalhadores brasileiros. Muitos não sabem se tem ou não direito ao saque, para isso, a Caixa Econômica está atendendo em horário diferenciado para sanar todas as dúvidas dos trabalhadores. Somente em Xanxerê cerca de 14 mil trabalhadores têm direito ao benefício.

Segundo informações do Gerente Geral da Caixa de Xanxerê, Juliano de Almeida, nesta semana em Xanxerê, a agência está abrindo mais cedo, às 8h apenas para atender os trabalhadores que possuem dúvidas. Inclusive, no próximo sábado, dia 18, a Caixa irá abrir das 9h às 15h.

“Este horário estendido é para receber o trabalhador que tem dúvidas se tem ou não direito ao saque do FGTS. Lembrando que há outras formas de conferir se há disponibilidade, como no site da Caixa, no aplicativo, ligando para a Caixa ou ainda no RH das empresas”, salienta Juliano.

A Caixa abrirá 1.891 agências no primeiro sábado após o início do cronograma mensal de pagamento, exceto em abril, conforme tabela abaixo:

Excepcionalmente, em fevereiro, as agências selecionadas também terão atendimento exclusivo no próximo sábado, dia 18, com objetivo de solucionar dúvidas sobre o saque de contas, regularização de cadastro dos trabalhadores e cadastramento de senha do Cartão do Cartão Cidadão. A relação das agências consta no site da Caixa.

Oeste SC – As agências do Oeste de Santa Catarina que abrirão neste sábado (18), das 9 às 15 horas,   exclusivamente para solucionar dúvidas sobre o saque de contas, regularização de cadastro dos trabalhadores e cadastramento de senha do Cartão do Cartão Cidadão são: Caçador, Contestado (em Caçador), Campos Novos, Cidade de Catanduvas, Chapecó, Desbravador, Efapi, Condá, Industrial, Concórdia, Faxinal dos Guedes, Fraiburgo, Itapiranga, Joaçaba, Maravilha, Pinhalzinho, Porto União, São Lourenço D Oeste, São Miguel do Oeste, Seara, Videira, Xanxerê e Xaxim

 

 

Pagamentos das contas:

Para os clientes da Caixa que têm conta poupança individual, o crédito será realizado automaticamente, conforme calendário. O valor estará disponível na conta no dia da abertura do calendário mensal. Essa medida deve beneficiar cerca de 10 milhões de trabalhadores. Os correntistas da Caixa poderão optar em receber o crédito em sua conta corrente, pelo site do banco (www.caixa.gov.br/contasinativas), ou pelo Telesserviço (0800 726 2017).

A partir de 10 de março, as contas inativas com saldo até R$ 1,5 mil poderão ser sacadas no autoatendimento da Caixa apenas com senha do Cartão do Cidadão (sem a necessidade do plástico). Já para valores entre R$ 1,5 mil e R$3 mil será necessário que o trabalhador possua o Cartão do Cidadão e senha para pagamentos no autoatendimento.

Outra opção para saque são os canais parceiros (Correspondentes Caixa Aqui e Unidades Lotéricas), onde são permitidos saques de até R$ 3 mil, apresentando o documento de identificação do trabalhador, Cartão do Cidadão e a respectiva senha. Valores acima de R$ 3 mil serão sacados exclusivamente nas agências da Caixa. Para valores superiores a R$ 10 mil será necessária a apresentação da carteira de trabalho ou documento que comprove a extinção do vínculo do trabalho.

A Caixa orienta que os trabalhadores consultem o site www.caixa.gov.br/contasinativas  ou o 0800 726 2017 para serem direcionados à melhor opção de pagamento, antes de se dirigirem a um dos canais oferecidos. A Caixa recomenda que para os clientes que necessariamente serão atendidos nas agências, além dos documentos pessoais, seja apresentada carteira de trabalho para agilizar o atendimento em caso de dúvidas, independentemente do valor.

 

Quem pode sacar:

De acordo com a MP 763, o trabalhador que pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31 de dezembro de 2015 pode sacar o saldo da conta vinculada, estando ou não fora do regime do FGTS. Antes da publicação da MP, o trabalhador somente poderia sacar caso permanecesse três anos fora do Regime do FGTS ou em caso de aposentadoria, utilização para moradia ou determinadas doenças previstas em lei.

As demais regras de saque das contas ativas não sofreram modificação, ou seja, o saque de contrato de trabalho vigente só pode ocorrer nos casos de demissão sem justa causa, moradia própria ou aposentadoria, por exemplo.

 

Canais Exclusivos de informação:

A CAIXA criou um serviço exclusivo em seu site (www.caixa.gov.br/contasinativas) para facilitar o atendimento ao trabalhador que tem direito ao pagamento de conta inativa. Na página, o trabalhador pode visualizar se possui contas contempladas pela MP 763, o valor que tem a receber, a data do saque e os canais disponíveis para realização do pagamento.

Outra opção de atendimento aos trabalhadores é pelo telesserviço 0800 726 2017. No telesserviço será possível saber se a conta vinculada está apta para recebimento do valor disponível para saque, além de informações sobre os canais de pagamento. Para realizar a consulta do saldo no 0800 ou no site, o trabalhador deve informar seu número de CPF e PIS/PASEP (NIS).

 

 

 


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais