Campanha de vacinação contra gripe inicia no dia dez, em Xanxerê

2 de abril de 2019 10:47 | Visualizações: 836
Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Campanha de vacinação contra gripe inicia no dia dez, em Xanxerê Foto: Milton Michida

Influenza, normalmente conhecida como gripe, é uma doença grave que causa danos à saúde das pessoas há muitos séculos. Existem três tipos de vírus influenza: A, B e C. No dia dez de abril inicia a Campanha de Vacinação contra gripe em Xanxerê.

De acordo com a enfermeira e responsável pelo setor de imunização, neste ano há mudanças.

– A vacina inicia dia dez de abril e segue até 30 de maio. Nós teremos o sábado dia quatro de maio como Dia D de Vacinação. Neste ano temos duas mudanças: primeiro iremos vacinar crianças menores de seis anos, até o ano passado era para menores de cinco anos. Do dia dez a 19 de abril iremos vacinar as gestantes, as crianças e as puérperas. A partir do dia 22 de abril entram os outros grupos. Isso não é somente para Xanxerê, é uma determinação do Ministério da Saúde, porque a vacina vem por etapas – comenta.

 

Transmissão

O vírus é transmitido a partir das secreções respiratórias, podendo também sobreviver algumas horas em diversas superfícies tocadas frequentemente, de madeira, aço e tecidos. A partir do contato com um doente ou com uma superfície contaminada, o vírus pode penetrar pelas vias respiratórias, causando lesões pulmonares, que podem ser graves e até fatais, se não tratadas a tempo.

Os vírus influenza circulam durante todo o ano, intensificando-se principalmente no período de inverno, quando as pessoas buscam se abrigar do frio em ambientes fechados, o que favorece a transmissão.

A transmissão ocorre principalmente em ambiente domiciliar, creches, escolas e em ambientes fechados ou semifechados. Estima-se que uma pessoa infectada seja capaz de transmitir o vírus para até dois contatos não imunes.

 

Sinais e Sintomas

Os sinais e sintomas, em geral, são:

Febre alta

Calafrios

Tosse, que pode ser seca ou com expectoração

Dor de cabeça

Dor de garganta

Cansaço

Dor muscular

Coriza

 


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais