Canudos biodegradáveis: Padaria do Alemão adere a campanha para reduzir uso do plástico

6 de maio de 2019 18:28 | Visualizações: 886
Comunidade , Meio Ambiente , Variedades , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Canudos biodegradáveis: Padaria do Alemão adere a campanha para reduzir uso do plástico (Foto: Alessandra Oliveira/Lance Notícias)

Ainda no mês de abril, o Projeto de Lei 152/2018, que restringe o uso de canudos plásticos em estabelecimentos comerciais do Estado, foi aprovado na Assembleia do Estado de Santa Catarina (Alesc). Para virar lei, o PL precisa ser aprovado pelo governador Carlos Moisés.

O texto original do PL prevê que as empresas deverão utilizar canudos fabricados com materiais biodegradáveis, recicláveis, reutilizáveis ou esterilizáveis. Se aprovado, a multa prevista para quem descumprir a regra é de R$ 1 mil.

Se transformada em lei, a iniciativa atinge hotéis, clubes, padarias, bares, lanchonetes e vendedores ambulantes de bebidas, e entrará em vigor 365 dias após a sua publicação. O estabelecimento também está proibido de oferecer, espontaneamente, o canudo, somente se o consumidor solicitar.

E, como forma de se antecipar à Lei, a Padaria do Alemão já adquiriu e irá fornecer a seus clientes canudos produzidos com material biodegradável. A opção escolhida pela padaria é uma solução biodegradável que utiliza a tecnologia para acelerar o processo de decomposição do plástico. No final do processo de decomposição, o material se transforma em H2O, Biomassa e CO2.

– A partir de agora estamos assumindo o compromisso ecológico. Viemos com esse pensamento desde que lançamos os copos, com o intuito de diminuir o impacto ambiental do isopor, que é um grande vilão. Agora, com essa onda de canudos plásticos que estão indo para a natureza, resolvemos nos antecipar e sair na frente com o canudo biodegradável que está ao nosso alcance no momento – comenta o responsável técnico da padaria, Juliano Giacomelli.

O objetivo é do Projeto de Lei é oferecer ao consumidor alternativas ambientalmente sustentáveis aos canudos convencionais de plástico, evitando o uso desse tipo de produto.


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais