vitta cardio menu

Com defasagem salarial, policiais e bombeiros militares cobram Governo por reposição

Raquel Sarmento | Sem categoria | 24/01/2020 11:42
Com defasagem salarial, policiais e bombeiros militares cobram Governo por reposição 1
Compartilhar no Whatsapp
Visualizações: 9186

No último dia 20, representantes de oito entidades de policiais e bombeiros militares do estado, se reuniram em Florianópolis, para conversa com o Governador Carlos Moisés da Silva, sobre a defasagem salarial da categoria.

Havia um prazo estipulado ainda ano passado, pela atual gestão, que terminou sem que as condições fossem atendidas. O total das perdas nos últimos anos, segundo alegam, chega aos 40%.

Em Xanxerê, a categoria tem instalado outdoors mostrando a problemática. Em entrevista ao Lance Notícias, Sargento Facenda, vice-presidente da Associação de Praças do Estado de Santa Catarina (Aprasc), comentou a situação.

– Nós estamos desde 2014, portanto a seis anos, com 40% de defasagem inflacionária, mas até o momento não nos apresentaram nenhuma proposta – disse ele.

Na próxima quinta-feira (30) haverá uma manifestação da categoria, em Florianópolis, haverá a presença de mais de dois mil militares, reivindicando a solução desta situação.

– Nós esperamos que o governador abra suas portas para que possamos conversar e nos faça uma proposta – comentou Sargento Facenda.

Segundo o sargento, não há previsão para fechamento de nenhum estabelecimento, ou interrupção de serviços, no sentido de haver greve.

– Queremos continuar dando nosso melhor trabalho à população. Nós somos os melhores policiais e bombeiros militares do Brasil, e nossa categoria precisa ser valorizada – destacou.

As reivindicações vão além da questão inflacionária.

– Por trás de toda farda, há um pai, uma mãe de família, que está tendo muita dificuldade em comprar medicamentos, alimentos, pagar o seu aluguel – finalizou.

O maior sentimento é o de que, a sociedade saiba que apesar disso, o trabalho continuará sendo prestado com excelência.

 

Deixe seu comentário