Dança na terceira idade: prática pode ajudar na concentração e memória

14 de fevereiro de 2019 09:09
Comunidade , Saúde , Variedades , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Dança na terceira idade: prática pode ajudar na concentração e memória Coreografia do grupo da terceira idade da ECA (Foto: Divulgação)

Muitas pessoas, quando chegam na terceira idade, pensam em se acomodar e, muitas vezes, deixam de lado ou esquecem das atividades físicas. Mas, praticar exercícios nessa idade auxilia tanto na saúde física como também mental.

Diego Gonçalves, coordenador e coreógrafo da Companhia de Dança Expressão Corpo e Arte (ECA), mantém um grupo de dança da terceira idade desde 2009. Segundo ele, a maioria dos participantes tem mais de 65 anos e faz parte do grupo desde o início.

– O grupo é formado, em sua maioria, por mulheres, mas é aberto também para homens. A maioria delas está comigo desde o começo e gosta muito das aulas e se empenham, se cobram para não faltar aos ensaios, são bem dedicadas – comenta.

A dança traz diversos benefícios ao corpo, inclusive, o fortalecimento da musculatura. Além disso, auxilia também na capacidade cognitiva e na memória, uma vez que elas precisam lembrar de toda a coreografia.

– A dança ajuda muito, em todos os sentidos, mas principalmente na memória, pois trabalhamos com a dança livre e a folclórica e elas precisam decorar e lembrar de todos os passos, por isso auxilia nesse ponto – explica.

De acordo com Diego, o grupo ensaia com o intuito de participar de festivais e todas as coreografias são montadas de acordo com a capacidade de cada bailarina e bailarino.

– Monto as coreografias de acordo com a capacidade de cada uma delas, os movimentos que elas conseguem executar. E, temos os períodos de ensaios e os períodos de festivais, que daí viajamos para participar e levamos o nome do ECA e de Xanxerê para outras cidades e conseguimos bons resultados – frisa.

Além disso, para quem deseja fazer parte do grupo, ainda restam quatro vagas. Os interessados podem ir no local de ensaios da ECA, localizada na Rua Artur Dambroso nº 558, em frente a garagem da Reunidas. Os ensaios acontecem nas quartas e sextas-feiras, das 14h às 15h.

– A dança ajuda essas pessoas no seu dia a dia, porque elas saem da rotina, vem para o ensaio, pensam nas viagens e isso ocupa a cabeça. E ajuda também na parte física, elas ficam mais fortes. Para quem quiser participar, ainda há vagas. Temos uma mensalidade simbólica para ajudar custear o aluguel, mas é só isso – conclui.


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais