Dengue: proprietários que não limparem seus terrenos, serão cobrados no próximo IPTU

28 de dezembro de 2016 08:59
Comunidade , Dengue , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Dengue: proprietários que não limparem seus terrenos, serão cobrados no próximo IPTU As denúncias são o principal meio para que a Vigilância Sanitária consiga realizar o seu trabalho (Foto: Divulgação)

 

 

A dengue continua preocupando Xanxerê. A cada dia que passa novos focos do mosquito da aedes aegypti são encontrados e o município já está em estado de alerta. Os principais pontos que aspiram cuidados são: centro, Matinho, Tacca, São Jorge, Esportes e Bortolon.

Diversos mutirões foram realizados com o intuito de conscientizar a comunidade, porém, sem sucesso. Com o número de focos e casos de dengue crescendo, a prefeitura, juntamente com o Programa de Combate à Dengue e a Vigilância Sanitária, tomou medidas mais severas quanto a limpeza dos terrenos.

Todos sabem que a forma de evitar o mosquito da dengue é evitar água parada, para isso, é fundamental manter os terrenos, caixas d’água, piscinas, calhas, limpos. Como muitos proprietários não tomaram essa atitude, a prefeitura está fazendo a limpeza dos terrenos e o valor será cobrado no próximo IPTU.

“Os proprietários são os responsáveis pelos seus terrenos, estamos em situação de alerta e por isso a prefeitura está fazendo a limpeza dos terrenos, mas os proprietários serão cobrados no próximo IPTU pelo serviço. Vários terrenos já foram limpos”, explica Janete Rodrigues, coordenadora do Programa de Combate à Dengue.

O valor da limpeza varia de acordo com o tamanho do terreno e quantidade de lixo e entulho no local. Hoje o município conta com 705 focos do mosquito aedes aegypti.

 


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais