Departamento de Cultura realiza 11ª Primavera dos Museus em Xanxerê

19 de setembro de 2017 14:24
Comunidade , Cultura , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Departamento de Cultura realiza 11ª Primavera dos Museus em Xanxerê (Foto: Patricia Silva/Lance Notícias)

O Departamento de Cultura organiza a 11ª Primavera dos Museus, que acontece até o dia 24, próximo domingo. Em Xanxerê, a comunidade poderá visitar o Museu do Milho Antonio Sirena, onde uma programação especial foi planejada, com exposições e feiras.

O museu, que está localizado no Parque da Femi, estará aberto a partir desta quarta-feira (20), para apresentar exposição entre o estranhamento e a fascinação, o Oeste Catarinense pela lente de Fritz Plaumann.

A atividade desta quarta consiste em apresentar o trabalho de Plaumann, conhecido por ser colecionador e reuniu um dos maiores acervos de entomologia conhecidos no Brasil que está localizado em Seara. Plaumann atuou também como fotógrafo, deixando uma coleção de imagens sobre a natureza do alto Uruguai e as transformações que foram ocorrendo a partir da colonização. Para quem desejar, a exposição ficará até o mês de dezembro em Xanxerê.

Confira a programação completa da 11ª Primavera dos Museus, com o tema Museus e suas memórias, de 19 a 24 de Setembro.

A coordenadora de patrimônio e memórias, Aguinetes Barfknecht, salienta que o museu estará aberto para visitação, com o moinho em funcionamento, para apresentar o processo da moagem do milho, até sua transformação em farinha.

Sobre a 11ª Primavera dos Museus

O tema da 11ª Primavera dos Museus vem destacar a importância de se valorizar a memória institucional como elo essencial nessa ampla cadeia de sentidos, em contínua transformação, que é a memória construída e compartilhada a partir de diferentes perspectivas sociais – e que tem no museu um importante ponto de conexão.

Acostumamos a entender o museu como espaço privilegiado para a “administração da memória”, pelo seu papel fundamental na organização, preservação e promoção do conhecimento em torno dos bens, materiais e imateriais, que referenciam as mais diversas culturas. Seus patrimônios se constituem não apenas de edifícios e acervos, mas também de memórias e histórias, cuja extroversão se dá por meio do trabalho museológico, como as exposições e as interações com o público. Assim, o tema da 11ª edição da Primavera dos Museus convida público e instituições participantes a juntos alinhavarem trajetórias, processos e resultados de sua presença e atuação, abrindo espaço para a inclusão da sua produção na malha diversa que é a memória coletiva.

Assessoria de Imprensa

 


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais