Dia mundial da Luta contra os agrotóxicos é apoiado pela Agricultura Familiar de Xanxerê

3 de dezembro de 2018 12:12 | Agricultura , Comércio , região , Rural , Saúde , Variedades , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Dia mundial da Luta contra os agrotóxicos é apoiado pela Agricultura Familiar de Xanxerê Foto: Ilustração

Há 34 anos, ocorria a catástrofe de Bhopal, na Índia, em que 30 mil pessoas, muitas delas crianças, morreram com o vazamento de 27 toneladas do gás tóxico metil isocianato, químico utilizado na elaboração de um praguicida da Corporación Union Carbide, em uma zona densamente povoada. Em alusão a este ocorrido, foi estabelecida pela Pesticide Action Network (PAN), o dia três de dezembro como o Dia Internacional de Luta Contra os Agrotóxicos, segundo dados do site do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra.

O Brasil bate recordes de consumo de agrotóxicos e sementes transgênicas. Nas águas, no solo, nos alimentos, em pequenas doses diárias. Estes agrotóxicos possuem substâncias que causam câncer, provocam abortos espontâneos, entre outros vários efeitos.

O diretor da Cooperativa de Agricultura Familiar de Xanxerê, Jurandir Giachini, comenta que a agricultura é contra este uso indiscriminado dos agrotóxicos.

– Tentamos ao máximo não usar nenhum tipo de agrotóxico, pois qualquer produto que você usa, que não é natural, vai ter um impacto tanto ambiental quanto na saúde – pontua Jurandir.

Um dos maiores problemas deste uso indevido, são as pessoas que visam apenas o retorno financeiro, e não tem consciência que estes alimentos serão consumidos por crianças, adultos e idosos, e podem gerar consequências para a saúde.

– Não somos a favor do uso dos agrotóxicos, inclusive estamos montando um grupo de produtos orgânicos e naturais, leva um tempo para colocar este projeto em prática pois tem todo o processo de conversão do solo. Acredito que em até dois anos iniciativas como estas serão comuns por todo o lugar – comenta.

A produção destes alimentos ainda não é suficiente para repassar um valor mais acessível para toda a população.

– Hoje a procura por alimentos orgânicos aumentou muito, muitos até gostariam de consumir estes produtos, mas eles ainda são considerados inacessíveis pelo valor, que é necessário para cobrir os custos da produção natural deste alimento. Mas futuramente, com o aumento da produtividade, todas as pessoas poderão ter estes produtos em suas casas – finaliza.


Por: Karina Ogliari

Deixe seu comentário

Saiba Mais