Entrevista: venezuelanos chegam a Xanxerê por meio da igreja e buscam trabalho

3 de setembro de 2019 16:02 | Visualizações: 419
Comunidade Compartilhar no Whatsapp
Entrevista: venezuelanos chegam a Xanxerê por meio da igreja e buscam trabalho Foto: Alessandra Bagattini

A Igreja de Jesus Cristo do Santo dos Últimos Dias tem acolhido os imigrantes venezuelanos que buscam o Brasil para melhorar suas condições de vida. Na noite de segunda-feira (2), três venezuelanos desembarcaram em Chapecó e foram trazidos para Xanxerê pelo segundo conselheiro da igreja, Santolino de Jesus. Os membros da igreja organizaram moradia para que eles consigam nesses seis primeiros meses emprego no município.

Desde 2017, 415 mil venezuelanos passaram pelo Brasil. O ponto de entrada é Roraima, mas o governo federal lançou em 2018 a Operação Acolhida, uma ação que visa a interiorização desses imigrantes para todo o país. Esse auxílio é para que essas pessoas consigam emprego no Brasil, uma vez que os venezuelanos enfrentam uma grave crise política e econômica no país.

– A gente já trouxe várias famílias para a nossa região e muitos já conseguiram emprego. Enquanto membros da igreja temos essa missão de ajudar, acolher e esses venezuelanos que chegaram em Xanxerê na noite de ontem buscam por esse acolhimento na nossa cidade, e acima de tudo buscam emprego – comenta Santolino.

Oscar Adolfo Ramos e Maura Perneia Moncaia estão no Brasil há um ano. Por meio da igreja eles decidiram vir para o Sul do país para conseguir trabalho. Já Roce Assuncion Barroso está em território brasileiro há 17 dias. Todos deixaram famílias na Venezuela e a expectativa é só uma: trabalhar e conseguir se sustentar na cidade de Xanxerê.

Confira a entrevista na íntegra com os venezuelanos e membro da igreja.

Foto: Alessandra Bagattini


Por: Carol Debiasi

Deixe seu comentário

Saiba Mais