Equipe do Corpo de Bombeiros de Xanxerê auxilia no combate a dengue em Coronel Freitas

4 de abril de 2016 17:52
Comunidade , Saúde Compartilhar no Whatsapp
Equipe do Corpo de Bombeiros de Xanxerê auxilia no combate a dengue em Coronel Freitas (Foto: Internet)

Quatro bombeiros da equipe de Xanxerê se deslocaram nesta segunda-feira (04) para o município de Coronel Freitas para auxiliar a Secretaria de Estado da Saúde em ações de combate a dengue.

Segundo o tenente Pamplona os bombeiros realizam a verificação de criadouros em locais de difícil acesso. “Vamos atuar aqui, sempre em quatro por dia até na quinta-feira, estamos encontrando muitos focos. Até sexta-feira (01) foram 91 casos de dengue confirmados no município. Fora os suspeitos”.

A orientação repassada foi que, na rotina das visitas aos imóveis, devem ser priorizadas as ações de orientação para população sobre as doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, bem como formas de evitar e eliminar seus potenciais criadouros.

Orientações para evitar a proliferação do Aedes aegypti:

  • Evite usar pratos nos vasos de plantas. Se usar, coloque areia até a borda;
  • Guarde garrafas com o gargalo virado para baixo;
  • Mantenha lixeiras tampadas;
  • Deixe os depósitos para guardar água sempre vedados, sem qualquer abertura, principalmente as caixas d’água;
  • Plantas como bromélias devem ser evitadas, pois acumulam água;
  • Trate a água da piscina com cloro e limpe uma vez por semana;
  • Mantenha ralos fechados e desentupidos;
  • Lave com escova os potes de comida e de água dos animais no mínimo uma vez por semana;
  • Retire a água acumulada em lajes;
  • Dê descarga no mínimo uma vez por semana em banheiros pouco usados;
  • Mantenha fechada a tampa do vaso sanitário;
  • Evite acumular entulho, pois podem se tornar locais de foco do mosquito da dengue.
  • Denuncie a existência de possíveis focos de Aedes aegypti para a Secretaria Municipal de Saúde;
  • Caso apresente sintomas de dengue, chikungunya o Zika vírus, procure uma unidade de saúde para atendimento.


Por: Direto da Redação

Deixe seu comentário

Saiba Mais