Extinção das ADRs: “Os prefeitos precisam analisar se devem ou não fechar”, diz Miri

7 de julho de 2017 10:54
Comunidade , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Extinção das ADRs: “Os prefeitos precisam analisar se devem ou não fechar”, diz Miri (Foto: Patrícia Silva/Lance Notícias/ARQUIVO)

Na última quarta-feira (28) o deputado estadual Dóia Guglielmi (PSDB) protocolou um projeto de lei para extinguir as Agências de Desenvolvimento Regional (ADRs) e os cargos ligados a elas. Na justificativa, o parlamentar diz que o objetivo principal é reduzir os gastos públicos que incluem serviços de energia elétrica, água, locação de imóveis e de pessoal.

>> Relembre:  Projeto de lei visa a extinção das ADRs em Santa Catarina

Em entrevista à Rádio Super Difusora, na manhã desta sexta-feira (07), o Secretário de Desenvolvimento Regional, Ademir Gasparini, comentou que o assunto da extinção ou não das ADRs, deve ser debatido entre os prefeitos.

“É uma questão polêmica até certo ponto pois precisa ser bem melhor discutida. Que as ADRs, trazem uma despesa extra para o estado, isso é inegável, nós não podemos dizer que não. Mas eu penso que essa conta, está sendo um pouco mal conduzida, porque no meu ponto de vista, quem deveria decidir o fechamento, ou a continuidade dos serviços teriam que ser os prefeitos. Até porque a finalidade principal das ADRs, quando elas foram criadas, o objetivo era atender os prefeitos”.

Em exemplo a ADR de Xanxerê, Miri destaca que os custos a serem reduzidos não são de alto valor.

“Comparando estrutura de Xanxerê, hoje nós não pagamos o aluguel do prédio que ocupamos, se extinguir a ADR, o prédio vai continuar aqui. A ADR tem de 300 a 400 funcionários, entre colegiado, professores, outros servidores na área de abrangência da ADR. São seis funcionários comissionados. Então a despesa que tem para o Estado é a despesa dos funcionários comissionados, pois os concursados vão continuar trabalhando. A economia que o estado teria fechando a ADR de Xanxerê é desses seis funcionários”.

Ainda de acordo com Miri, a extinção das ADRs trará mais despesas para os prefeitos. “Eu respeito a opinião de todos, mas os prefeitos podem responder melhor isso, visando as economias que eles têm vindo resolver os problemas aqui na ADR, sem precisar ir a Florianópolis, economizando a estadia, diária. Então se eles não vierem até aqui, vão precisar ir para Florianópolis e gastar muito mais”.

ADR de Xanxerê. (Foto: Alessandra Bagattini/Lance Notícias)


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais