Família busca ajuda para custear tratamento de menino com problemas de crescimento

5 de fevereiro de 2019 14:38
Comunidade , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp

Geovane dos Santos Rasche, de 11 anos, possui problemas de crescimento e precisa tomar um hormônio para que seu desenvolvimento aconteça de forma normal.

De acordo com Noeli dos Santos, ele sempre teve acompanhamento médico, mas o seu problema de crescimento foi diagnosticado há pouco tempo e, agora, a família corre contra o tempo para conseguir iniciar o tratamento.

– Ele é filho adotivo, filho de uma irmã minha e eu e minha mãe adotamos ele. Sempre levamos ele no médico, mas a profissional nunca percebeu nada de diferente. Mas, percebemos que ele não estava crescendo, consultamos com outro médico, que nos encaminhou para uma especialista e ela receitou um hormônio para ele, que ele precisa começar a tomar antes de completar 12 anos. Ele precisa tomar logo porque já está na puberdade – explica Noeli.

Segundo ela, a caixa com cinco seringas do medicamento, que dura um mês, custa cerca de R$ 1.300, mas não é vendida em Xanxerê. Ademais, uma farmácia consegue encomendar as seringas individualmente, que dura uma semana, mas cada uma custa R$ 690 e a família não tem condições de custear o tratamento.

– O Estado fornece esse medicamento, porque é caro, mas demora para vir e o Geovane está lutando contra o tempo e não podemos esperar, mas, não temos condições para comprar o remédio, por isso estamos pedindo ajuda – destaca.

Para quem deseja ajudar a família, pode entrar em contato por meio do número da redação do Lance Notícias (49) 9 9989-9002 (WhatsApp).


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais