Febre Amarela: equipe da Saúde fará ação nas comunidades do interior de Xanxerê

6 de setembro de 2019 13:57 | Visualizações: 85
Comunidade , Saúde Compartilhar no Whatsapp
Febre Amarela: equipe da Saúde fará ação nas comunidades do interior de Xanxerê

Diante da atual situação de registro de doença e mortes por Febre Amarela no estado de Santa Catarina, o Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado busca estruturar ações para evitar a entrada do vírus da doença em nosso município.

Desta forma, a Vigilância Epidemiológica Municipal e Programa de Imunização, por meio da Secretaria Municipal de Saúde de Xanxerê, iniciam na próxima segunda-feira (09) ações no interior do município de Xanxerê com as comunidades para analisar as carteiras de vacinação, aplicação da vacina, se necessário, e orientação sobre a Febre Amarela.

Uma equipe composta de vacinador, enfermeiro e Agentes de saúde fará esta intensificação conforme o cronograma estabelecido.

A enfermeira da Vigilância Epidemiológica de Xanxerê, Francis Mara Zago Pegoraro, reforça que para que esta ação seja realizada é importante que todos os moradores das comunidades que serão atendidas pelo cronograma de vacinação estejam presentes no dia e horário marcado.

– Solicitamos que pelo menos um representante de cada família se faça presente com as carteiras de vacinação em mãos dos demais moradores da casa – comenta.

 

Cronograma

Segunda-feira e terça-feira (09 e 10/09/2019)

Centro Comunitário de Faxinal do Irani – 8h e 13h30. Após este horário a equipe se deslocará para Cambuinzal, Santa Rosa, Bom Jardim, Santa Luzia, Manjolinho e Sede Roseira.

Quarta-feira (11/09/2019)

Centro Comunitário da Linha Barro Preto – 9h

Centro Comunitário da Linha Pesqueiro do Meio – 13h30 para os moradores do Pesqueiro de Cima, do Meio e de Baixo.

Quinta-feira (12/09/2019)

Centro Comunitário da Linha São Lourenço – 8h para moradores da Linha São Lourenço e Vargem Bonita.

Sexta-feira (13/09/2019)

Centro Comunitário da Linha Rodrigues – 8h para moradores da Linha Rodrigues, São Sebastião e Perau das Flores.


Por: Carol Debiasi

Deixe seu comentário

Saiba Mais