Início do ano letivo: saiba como os pais devem proceder nos primeiros dias de aula dos filhos

6 de fevereiro de 2019 11:26
Comunidade , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Início do ano letivo: saiba como os pais devem proceder nos primeiros dias de aula dos filhos Imagem Ilustrativa (Foto: Divulgação)

O mês de fevereiro é tradicionalmente marcado pela volta às aulas. Mas, para muitos pais e seus filhos, essa é uma experiência nova. Isso porque, esse será o primeiro dia de aula de muitas crianças, tanto em creches quanto em escolas.

Esse momento, muitas vezes, é de incerteza, tanto para as crianças como também para os pais. E, diante disso, podem surgir diversas dificuldades para ambos os lados, principalmente quanto a adaptação neste novo ambiente.

– Essa é uma questão que muitas vezes a dificuldade não é das crianças, mas dos pais. Muitos tem insegurança, tem medo que a criança vai sofrer, chorar nesse novo período da escola e passam insegurança para a criança. Esse é um caso bem comum e o que acontece é que a criança chega na escola, em um novo ambiente, e tem a percepção de que a mãe ou o pai estão muito mais inseguros do que ele – explica a psicóloga Rosilei Lemes Vera.

Diante disso, a psicóloga frisa que cabe aos pais explicarem para a criança, com antecedência, sobre como será quando a criança chegar na escola. Falar sobre o ambiente, o que ela vai fazer lá, qual a importância de ir para a escola.

– Como é algo novo, os pais precisam orientar a criança, contar o que vai acontecer. É comum os pais levarem a criança para a escola e não falarem nada para ela sobre esse processo novo. Compra os materiais, chega o momento de ir para a escola e simplesmente fala para a criança que a partir daquele dia ela irá para a escola.  A criança precisa saber antecipadamente o que vai acontecer para que ela se sinta segura nesse ambiente novo. Os pais precisam passar essa segurança para ela, para que quando ela chegar lá não seja algo tão impactante para ela – comenta.

Muitas vezes, as crianças podem apresentar dificuldades de adaptação pelo fato de serem muito ligadas aos pais. Mas, um fator importante para auxiliar na adaptação da criança é que os pais não podem retroceder em sua decisão.

– Isso é uma fase, os pais não podem retroceder e voltar atrás, mas isso é muito comum. Muitos pais orientam a criança, mas ela faz birra quando chega na creche e os pais levam ela de volta para casa. Assim, a dificuldade de adaptação será muito maior. Os pais precisam deixar a criança na creche ou na escola e ir embora e voltar no momento que foi combinado. Porque, se a criança percebe que pode mudar uma situação com choro, sofrimento, que com isso os pais regridem na decisão haverá mais dificuldades de adaptação – frisa.

Ademais, a psicóloga orienta de que os pais precisam estar seguros em deixar o filho na escola, para passar essa segurança para a criança. Uma dica é para que os pais visitem a escola acompanhados de seus filhos, para conhecer o ambiente junto com eles e repassaram mais segurança à criança.


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais