Médica alerta para o consumo de suplementos e vitaminas sem prescrição médica

15 de maio de 2019 09:06 | Visualizações: 405
Saúde , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Médica alerta para o consumo de suplementos e vitaminas sem prescrição médica (Foto: Divulgação)

A cada dia surge no mercado farmacêutico e de produtos naturais novas vitaminas, minerais e suplementos que prometem auxiliar em diversos aspectos de saúde.

Entretanto, apesar de terem seus benefícios, é preciso ficar atento, pois eles podem também causar problemas, principalmente pelo fato de que as pessoas podem compra-los sem uma prescrição médica em mãos.

– Esse consumo de suplementos e vitaminas é um problema, os estudiosos do fígado falam muito disso. Em muitos casos, o paciente apresenta uma inflamação aguda do fígado e não se sabe qual a causa. Durante a investigação, o médico pergunta se a pessoa usa algum remédio e ela responde que não, mas que usa o suplemento, que as pessoas não consideram como remédio, e que pode ser prejudicial para a saúde – explica a médica infectologista Carine Kolling.

Apesar de não ser considerado por muitos – ou se ignora esse fato – os suplementos e vitaminas também são medicamentos e seu consumo sem orientação ou acompanhamento pode vir a causar problemas para a saúde.

De acordo com a médica, muitas das vitaminas e minerais que compõem os suplementos podem ser encontrados nos alimentos, sendo que a falta de algum pode ser suprida com uma alimentação balanceada.

– O uso de suplementações deve ser com prescrição médica, só se estiver indicado, pois se a pessoa tem uma alimentação balanceada ela pode sim conseguir todas as vitaminas que precisa por meio da alimentação. Em casos específicos em que esteja indicado o uso se deve fazer a suplementação com a prescrição médica – comenta.

O alerta serve também para chás e cápsulas de produtos naturais. Segundo a médica, se consumidos de forma exagerada ou contínua, podem causar intoxicações e até problemas mais graves.

– Não só suplementos, como também o consumo de chás, ervas, também pode causar problemas, principalmente no fígado. É preciso ter cuidado com o consumo desses produtos naturais, que nem sempre fazem bem. Consumir só o que for necessário e sempre com algum orientação profissional, uma pessoa especializada na área. Sim, tem benefícios, mas tem que pesar a necessidade, porque querendo ou não é uma medicação – conclui.


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais