Menino de dois anos com doença rara passa por tratamento e precisa de ajuda

22 de outubro de 2019 08:56 | Visualizações: 13609
Comunidade , Variedades Compartilhar no Whatsapp
Menino de dois anos com doença rara passa por tratamento e precisa de ajuda Fotos: Arquivos Pessoais

Desde um ano de idade, o pequeno Wagner Henrique Maciel enfrenta uma luta constante. Ele possui síndrome de Chédiak-Higashi, que é uma doença hereditária muito rara caracterizada por infecções respiratórias bacterianas repetitivas e outras infecções além da falta de pigmento no cabelo, olhos e pele (albinismo).

A sua vida se resume a idas e vindas do hospital. Na última semana, Wagner passou por um transplante de medula, e agora está no processo de recuperação. Diante disso, ele e sua fiel companheira, a sua mãe, devem permanecer no Hospital da Clínica UFPR, no Paraná, por 100 dias.

O tratamento de Wagner é pelo Sistema Único de Saúde (SUS), mas mesmo assim a família tem despesas altas e por conta disso, uma vaquinha on-line foi criada. O objetivo é arrecadar R$ 20 mil e com o montante, além de pagar pelo tratamento, a sua família almeja construir um quarto para o menino.

– Ele tem síndrome de Chédiak-Higashi que é uma doença que dá bastante infecções. Ele fez transplante de medula óssea na sexta-feira (18) pois sem o transplante pode dar uma infecção grande e ele pode não resistir. O Wagner tem dois anos, mas foi diagnosticado com essa doença quando ele tinha um ano,  já teve vários quadros de internação ao decorrer do tratamento aí agora eu fiz essa vaquinha para ajudar no tratamento e se possível mobiliar e construir o quarto dele, que após alta ele não pode pegar Sol por dois anos, além de várias restrições, por isso fiz essa vaquinha – comenta a mãe Ially Aparecida Maciel.

Wagner e sua mãe residem no município de Passos Maia, distante pouco mais de 50 km de Xanxerê. A sua família paga aluguel e por isso o pedido de ajuda é reforçado. Caso você deseja ajudar o menino, pode depositar qualquer valor em dinheiro AQUI.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais