Mesmo com aumento, produtor de leite sente dificuldade na produção

3 de junho de 2016 10:48
Agricultura , Animais , Comunidade Compartilhar no Whatsapp
Mesmo com aumento, produtor de leite sente dificuldade na produção (Foto: Divulgação)

Com a redução de oferta na produção de leite em Santa Catarina, a média de preços recebido cresceu em 14,3% no mês de maio, em relação com o mesmo período do ano passado. O valor sem frete e sem imposto ficou em R$1,1571 neste mês. Porém, produtores comentam que o aumento não é suficiente se comparado com o aumento do custo para a produção.

Essa oferta de aumento gera uma competição entre as industrias pelo produto, e essa tendência deve continuar nos próximos meses, o que fará com que o valor do produto tenha mais aumentos. Um produtor de Xanxerê comenta sobre isso: “O aumento foi bom, mas precisa aumentar mais, pois os custos com a alimentação também aumentaram, o soja, milho, a ração, a luz, o combustível, tudo isso envolve, fora a mão de obra que hoje também pede muitas exigências”.

Apesar do valor ter aumentado, muitos produtores tem desistido da produção, “Hoje está muito difícil se manter com isso, pois para nós que comercializamos o produto para laticínios, o valor está gerando um desanimo, trabalhamos muito, gastamos muito e recebemos pouco, enquanto no mercado uma caixinha de leite custa em média de três reais”, finaliza o produtor.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais