Município irá contratar clínica veterinária para efetivar programa de zoonose

23 de abril de 2018 10:03 | Animais , Comunidade , Lance Notícias , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Município irá contratar clínica veterinária para efetivar programa de zoonose Município irá contratar clínica veterinária para efetivar programa de zoonose. (Foto: Divulgação)

Os trabalhos do Programa de Controle de Zoonose de Xanxerê ainda não iniciaram. Atualmente, o setor que ficou responsável pelos atendimentos aguarda a abertura de um processo licitatório, que irá contratar uma clínica veterinária que será responsável pelos atendimentos.

Até o momento a Prefeitura de Xanxerê criou um link para receber as denúncias de casos de maus-tratos e também contratou uma médica veterinária que irá auxiliar nos atendimentos. “Estou aguardado a Prefeitura fazer o edital para contratar uma clínica que irá fazer o tratamento dos animais que serão recolhidos. Não há uma data para o lançamento. Já fui através de alguns lugares para ver o quanto é gasto e verificar qual será o recurso mensal para daí lançar o edital e ver as empresas que irão se interessar”, explica a veterinária responsável Nathalia Luchese Sguissardi.

Somente após a contratação da clínica responsável os trabalhos devem começar efetivamente. “Depois disso, vamos dar prosseguimento das atividades. Atualmente quem recebe as denúncias é a área de políticas ambientais, aí eles repassam para o atendimento, que depende da situação, damos o auxílio necessário”.

Decreto

Ainda em janeiro, um decreto que regulamentava o funcionamento do programa foi assinado, pois o município precisava atender uma recomendação do Ministério Público. Com a assinatura, a Secretaria Municipal de Saúde através do Departamento de Vigilância Sanitária e Epidemiológica, bem como à Secretaria de Políticas Ambientais iriam ser responsáveis pelo desenvolvimento de ações e programas. O setor responsável também faria o recolhimento dos animais em casos de maus-tratos e ainda deveria fornecer atendimento médico veterinário quando necessário e fomentar a adoção responsável destes animais. As atividades ainda não acontecem no município e grande parte dos atendimentos ainda são realizados pelo Grupo Bem Estar Animal.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais