Municípios do Oeste integram lista dos menos desenvolvidos em Santa Catarina

25 de maio de 2016 14:27
Comunidade , Economia Compartilhar no Whatsapp
Municípios do Oeste integram lista dos menos desenvolvidos em Santa Catarina Governo elencou 84 cidades do estado com necessidades de investimento

Com o desafio de dinamizar a economia em 12 regiões com baixos indicadores de desenvolvimento de Santa Catarina, o Programa de Desenvolvimento e Redução das Desigualdades Regionais foi lançado nesta terça-feira, dia 24, em Florianópolis.

Como principal indicador para conduzir as ações do programa foi criado o Índice de Renda SC, composto pela renda domiciliar per capita média da população residente na região e pelo Produto Interno Bruto per capita, além dos indicadores complementares – a evasão da população da região e a dinâmica do emprego formal. O estudo estabelece três categorias de região: mais desenvolvidas, em transição e menos desenvolvidas.

As 12 regiões menos desenvolvidas terão prioridade de atuação. Elas pertencem às seguintes Agências de Desenvolvimento Regional (ADR): Caçador, Campos Novos, Canoinhas, Curitibanos, Dionísio Cerqueira, Ituporanga, Lages, Laguna, Quilombo, São Joaquim, São Lourenço do Oeste e Taió. Juntas, elas abrangem 84 municípios com 1,06 milhão de pessoas, ou seja, 16% da população do estado, e PIB de R$ 18,3 bilhões, o que corresponde a 10,3% do total da riqueza produzida em Santa Catarina.

A iniciativa do governo do estado busca coordenar ações para promover um crescimento inclusivo, equilibrado e sustentável em Santa Catarina. O programa será desenvolvido em parceria com a sociedade civil organizada, sob coordenação da Secretaria de Estado do Planejamento.

O principal instrumento do programa será uma Agenda de Desenvolvimento Regional, elaborada pelos Núcleos Executivos Regionais em articulação com as ADRs. Esses grupos de trabalho vão identificar as vocações de cada região, quais cadeias produtivas podem ser melhoradas e o que tem potencial para ser desenvolvido. A coordenação dos núcleos será feita pelo Comitê Gestor do Programa, formado por representantes das secretarias de Planejamento; Desenvolvimento Econômico Sustentável; Assistência Social, Trabalho e Habitação; Agricultura e Pesca; e Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte; além de até quatro representantes das entidades parceiras.

Os parceiros iniciais são o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), a Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina S.A. (Badesc), a Federação Catarinense de Municípios (Fecam), a Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), a Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc) e a Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Santa Catarina (Fetaesc).

 

Lista dos municípios menos desenvolvidos:

 

DIONÍSIO CERQUEIRA
Anchieta
Dionísio Cerqueira
Guarujá do Sul
Palma Sola
Princesa
São José do Cedro

 

QUILOMBO
Formosa do Sul
Irati
Jardinópolis
Quilombo
União do Oeste
Santiago do Sul

 

SÃO LOURENÇO DO OESTE
Campo Erê
Coronel Martins
Galvão
Jupiá
Novo Horizonte
São Bernardino
São Lourenço do Oeste

 

CAÇADOR
Caçador
Calmon
Lebon Régis
Macieira
Matos Costa
Rio das Antas
Timbó Grande

 

CANOINHAS
Bela Vista do Toldo
Canoinhas
Irineópolis
Major Vieira
Porto União
Três Barras

 

CAMPOS NOVOS
Abdon Batista
Brunópolis
Campos Novos
Celso Ramos
Ibiam
Monte Carlo
Vargem
Zortéa

 

CURITIBANOS
Curitibanos
Frei Rogério
Ponte Alta do Norte
Santa Cecília
São Cristóvão do Sul

 

LAGES
Anita Garibaldi
Bocaina do Sul
Campo Belo do Sul
Capão Alto
Cerro Negro
Correia Pinto
Lages
Otacílio Costa
Painel
Palmeira
Ponte Alta
São José do Cerrito

 

SÃO JOAQUIM
Bom Jardim da Serra
Bom Retiro
Rio Rufino
São Joaquim
Urubici
Urupema

 

TAIÓ
Mirim Doce
Pouso Redondo
Rio do Campo
Salete
Santa Terezinha
Taió

 

ITUPORANGA
Alfredo Wagner
Atalanta
Aurora
Chapadão do Lageado
Imbuia
Ituporanga
Leoberto Leal
Petrolândia
Vidal Ramos

 

LAGUNA
Garopaba
Imaruí
Imbituba
Laguna
Paulo Lopes
Pescaria Brava


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais