65% da população xanxerense encontra-se endividada em longo prazo

20 de junho de 2016 09:56
Comunidade , Economia Compartilhar no Whatsapp
65% da população xanxerense encontra-se endividada em longo prazo 65% da população xanxerense encontra-se endividada em logo prazo (Foto: Patrícia Silva/Lance Notícias)

Nos últimos meses o número de consumidores brasileiros com idade entre 18 e 95 anos que estão inadimplentes e com o nome registrado em serviços de proteção ao crédito chegou o equivalente de 39,91% da população. Segundo o economista Celito Pandolfi, em Xanxerê 65% da população está endividada a logo prazo.

O economista revela que o maior erro da população que se encontra endividada é realizar compras a longo prazo, “o maior erro da população xanxerense é comprar em longo prazo, pois normalmente quando acabar o pagamento você já não vai ter mais o produto, para isso melhorar vai ser necessário criar uma disciplina financeira”.

Em tempos de crise financeira no cenário econômico e político, Celito comenta que para ter uma vida financeira prospera é necessário começar do zero, “ hoje 65% da população xanxerense hoje está endividada a logo prazo, a melhor atitude a ser tomada é tentar negociar essas dividas e se não for viável é necessário vender algum móvel para começar do zero, não podemos gastar mais do que nosso ganho, é preciso se adaptar com a crise e com escassez de dinheiro”.

O economista finaliza relatando que através do cenário econômico que a população brasileira enfrenta com as taxas de juros altas, o único investimento a ser feito deve ser para o próprio benefício “não adianta querer comprar o que não se pode pagar, para poder ficar livre da crise, você só pode investir em você mesmo, e diferenciar o que é importante do que é urgente, só comprar o que é urgente ”.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais