Núcleo de Tecnologia informa empresários sobre orientação da Microsoft

26 de julho de 2018 08:48
Comunidade , Informativo publicitário , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Núcleo de Tecnologia informa empresários sobre orientação da Microsoft Foto: Divulgação

O Núcleo de Tecnologia da Associação Empresarial de Xanxerê, Acix, orienta os empresários sobre recomendações da Microsoft quanto ao software original. A Microsoft está entrando em contato com algumas empresas da cidade, independentemente do tamanho, seja com apenas um ou 50 computadores.

Não ter o software original pode acarretar em uma multa de até 100 vezes sobre valor do original, chegando à última instância em valores de até R$ 40.000,00 em um único computador.

Além de estar de acordo com a legislação, ter o software licenciado é importante, pois o computador terá atualizações contra falhas que permitem invasões, sequestro de arquivos, etc.

Deve-se licenciar o Windows e o Pacote Office (que geralmente engloba word, excel, power point, access e outlook), e ficar atento para adquirir as licenças corretas.

De acordo com o Núcleo, existem versões do Windows e Office mais em conta, porém são destinadas ao uso em casa, e por mais que sejam versões originais, ao serem usadas em uma empresa estará em desacordo com os termos de uso da Microsoft resultando em multa.

Saiba mais:

– O primeiro passo para verificação da legalidade dos softwares nas empresas é ter em mãos as notas fiscais de compra, e em caso de dúvidas acionar uma empresa de informática de sua confiança para auxílio na verificação.

– Windows com a terminologia OEM no nome serve apenas para máquinas novas e não pode ser comprado para legalizar um computador já existente. Para legalização de um computador já existente devem usar as versões FPP, ESD ou OPEN.

– Em vários casos existe a opção de editores de textos e planilhas gratuitos que suprem a necessidade de alguns usuários sem a necessidade de investir em um office original.

– Softwares do pacote Adobe e o SolidWorks também estão sendo verificados.

– Sempre desconfiar se uma licença estiver com preço abaixo do resto do mercado. Algumas empresas vendem Windows como original, mas a mesma chave de ativação é vendida várias vezes ou pertencem a outro CNPJ, o que ativa o Windows, mas de forma ilegal. Na dúvida após a compra ligar na Microsoft e conferir a validação.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais