Paratleta de Xanxerê participa do Open Internacional de Natação no Rio de Janeiro

26 de abril de 2016 08:46
Esporte em destaque Compartilhar no Whatsapp
Paratleta de Xanxerê participa do Open Internacional de Natação no Rio de Janeiro Ivonei Borges retorna para casa com medalhas (Foto: Arquivo Pessoal)

O Brasil encerrou sua participação no Open Internacional Caixa Loterias de Natação, no Estádio Olímpico de Esportes Aquáticos, subindo ao pódio 66 vezes, no total. Foram conquistados 14 primeiros lugares, 22 segundos, e 30 terceiros. Entre as medalhas citadas está a do paratleta de Xanxerê, Ivonei Borges. O Open Internacional é um evento-teste para os Jogos Paralímpicos e contou com a participação de 212 atletas de 19 países.

Ivonei Borges possui experiência na competição e retornou para casa com uma medalha de prata e um quarto lugar. Porém o paratleta não se classificou para a próxima fase, onde representaria o país.

“Estou muito feliz ontem encerrei minha participação na competição no Rio de Janeiro, com um segundo lugar e um quarto lugar. Onde estiveram reunidos os maiores atletas do mundo. Quero agradecer Deus em primeiro lugar por ter me dado forças, também ao Center Hotel, Sicoob, Incofal, Clube 7, Unoesc, Secretaria de Esportes, FCDX,  meu técnico Teseu e meus amigos e familiares”, comentou Ivonei em sua rede social.

 

Classificados

A equipe brasileira participará das competições de natação nas paralimpíadas com 32 atletas e a expectativa do técnico da Seleção Brasileira, Leonardo Tomasello, é a de que todos os atletas cheguem à competição em condições de brigar por medalhas para que o país alcance sua melhor atuação em olimpíadas.

“Nosso trabalho agora é fazer com que esses 32 atletas cheguem aqui durante os jogos brigando por resultados, por pódios e medalhas de ouro. Nós estamos indo para a competição com a maior delegação, as chances de medalhas, portanto são maiores e o fato de nadar em casa, com o calor da torcida, ginásio lotado pode nos levar a buscar a maior participação da natação paralímpica na história dos jogos”, disse Tomasello a reportagem da Agência Brasil.

Para o presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro, Andrew Parsons, a equipe está avançando e, em setembro, os atletas têm tudo para conquistar grandes resultados. “Ainda teremos competições para os atletas buscarem seus índices. Os nadadores estão embarcando hoje para Portugal para o aberto europeu para isso. Observamos algumas marcas aqui no Open e não há nada que assuste os atletas que ainda não chegaram aos índices. Está tudo dentro do planejado.”

 

 


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais