Prefeitos da Amai discutem sobre programa de perfuração de poços do Governo do Estado

4 de maio de 2016 07:54
Comunidade , Política Compartilhar no Whatsapp
Prefeitos da Amai discutem sobre programa de perfuração de poços do Governo do Estado Amai realiza encontro (Foto: Divulgação)

 

Os Prefeitos que integram a Associação dos Municípios do Alto Irani (AMAI) estiveram reunidos em Assembleia, na sede em Xanxerê nesta terça-feira (3). Inicialmente o Diretor Executivo do Consócio CIMCATARINA, Elói Rönnau, apresentou o programa de perfuração de poços artesianos administrado pelo Consórcio que utiliza o kit de perfuração cedido pela Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca por meio de um termo de cessão e cooperação. O programa visa para atender os municípios que já estão consorciados e aos que não estão consorciados, que havendo interesse podem realizar a adesão para participar do programa.

Dando sequência, o professor da Udesc, Alfredo Balduíno Santos, explanou aos Prefeitos sobre o Projeto Rondon da UDESC que tem por objetivo possibilitar o intercâmbio dos acadêmicos e a inserção da Universidade em diferentes áreas de conhecimento, na busca do desenvolvimento regional, garantindo assim a interdisciplinaridade e a interação entre a Universidade e a sociedade.

Ainda a empresa Único Asfaltos realizou a demonstração de uma massa asfáltica que dispensa na aplicação a utilização de maquinário pesado e de outros produtos para aplicação em qualquer condição climática, podendo ser estocada por até 24 meses. Também a Agência de Microcrédito Crediamai participou da Assembleia com o objetivo de explanar acerca das atividades desenvolvidas

Para finalizar o encontro foi apresentada a Minuta Modelo de Código de Obras elaborado pela Associação, que será discutida com os técnicos dos municípios na próxima quinta-feira (5). O projeto visa estabelecer regras que disciplinem o parcelamento, o uso e ocupação do solo, orientando e normatizando a elaboração de projetos na região, bem como a execução de edificações na circunscrição territorial dos municípios. (Assessoria de imprensa)

 

 

 


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais