Prefeitura e Defesa Civil fazem levantamento após chuva em Xanxerê

2 de outubro de 2018 13:15 | Comunidade , Lance Notícias , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Prefeitura e Defesa Civil fazem levantamento após chuva em Xanxerê Foto: Assessoria de Imprensa

Com a intensa chuva que atingiu Xanxerê, no início da noite de segunda-feira (1º), conforme levantamento prévio da Defesa Civil Regional e Municipal foram 12 pontos de alagamento e dois de deslizamentos. De acordo com a Epagri Ciram, o volume de chuva chegou aos 39,2mm em apenas 10 minutos, situação que gerou os transtornos enfrentados por moradores do centro, bairros e parte do interior do município.

No fim da manhã desta terça-feira (02), o prefeito em exercício Ivan Marques esteve reunido com o secretário Municipal de Obras, Rivael Freschi, acompanhado do coordenador municipal da Defesa Civil, João Borba e, do coordenador regional da Defesa Civil, Luciano Peri. Segundo ele, diversos fatores culminaram nos registros levantados.

“Tivemos alguns fatores que causaram esta situação, como a concentração de chuva em pouco tempo, terrenos já encharcados e, ainda, grande quantidade de lixo nos bueiros”, disse.

O prefeito Ivan Marques percorreu, durante a noite, diversos pontos. Segundo ele, a quantidade de lixo nos bueiros era expressiva, sendo em sua avaliação uma das principais causas dos transtornos.

“Identificamos que nos bueiros há grande quantidade de lixo preso nas grades e não há tubos entupidos. Percebemos que, especialmente no centro, os moradores haviam deixado seus lixos nas sacolas aguardando a coleta, mas a chuva chegou antes carregando todo aquele volume para os bueiros, e causando alagamento. Fora lonas e pneus que foram encontrados também”, disse o prefeito.

Levantamento da Defesa Civil

Conforme levantamento, os pontos de alagamento foram registrados no centro, Veneza, São Jorge, Esportes, Vila União, Vista Alegre, Bortolon, Nossa Senhora de Lourdes e La Salle. Já os deslizamentos, um no Bairro Jardim Tarumã e outro na Linha Igrejinha Amarela. Problemas relacionados a infraestrutura, como bueiros e tubulações, foram identificados nas Linhas Medianeira, Igrejinha Amarela, Perau das Flores, Rodrigues e Cambuinzal. A Secretaria Municipal de Educação identificou entrada de água nas unidades Sonho Encantados, Rui Pimentel, Nossa Senhora Aparecida, Criança Feliz e Cirilo Dal’Oglio. E, a Secretaria de Saúde, a mesma situação nos postos dos Bairros Bortolon, João Winckler, Colatto, Vila Alegre e Pronto Atendimento Municipal.

A Secretaria Municipal de Agricultura também realiza levantamento da situação. A equipe esteve no interior, verificando a situação. O secretário Edson Zape garante a comunidade que solicita ajuda que as demandas serão atendidas. Segundo ele, todas as estradas do interior tiveram danos, por isso solicitada calma aos agricultores, mas que os serviços serão realizados.

 


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais