Programa de Combate a Dengue aplica inseticida em pontos com foco do Aedes aegypti

21 de fevereiro de 2017 11:44
Comunidade , Saúde , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Programa de Combate a Dengue aplica inseticida em pontos com foco do Aedes aegypti Foto: divulgação

 

Somente em 2017, já foram registrados um total de 192 focos do mosquito Aedes aegypti. O número é preocupante, deixa inclusive Xanxerê na segunda colocação dos municípios em risco no Estado, ficando abaixo de Balneário. Nesta semana, foram encontrados 34 focos no cemitério e dois no Parque da Femi. Para o combate, a equipe do Programa de Combate a Dengue aplicou o fumacê nos dois locais e, reforça o pedido de conscientização por parte da população.

A aplicação do inseticida vai eliminar os insetos, caso não surta efeito, em 30 dias a ação será repetida. A coordenadora do Programa de Combate a Dengue, Janete Rodrigues, comenta que os maiores focos encontrados foram no cemitério, que está localizado no Bairro Vista Alegre.

“Encontrando bastantes focos e nos preocupa que aqui tem muitas residências. A gente solicita às pessoas que vem até o cemitério, não trazerem as flores dentro dos vasinhos, nem as de plástico, porque é nesses locais que os mosquitos depositam as larvas”, conta.

No Parque da Femi, os dois focos encontrados estavam nos cochos dos animais. “Nosso pedido para a população é de conscientização, para que não deixe água parada, cada um é responsável por esses cuidados. A sorte é que não temos nenhum registro de dengue”, finaliza. Hoje a Secretaria Municipal de Saúde conta com um total de 15 agentes para realizar o combate ao mosquito em toda cidade. (Assessoria de imprensa)

 


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais