Projeto visa a criação de ciclovias em horários especiais em Xanxerê

7 de novembro de 2017 15:05
Comunidade , Trânsito , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Projeto visa a criação de ciclovias em horários especiais em Xanxerê Foto: Divulgação

O número de xanxerenses que utilizam bicicletas para ir ao trabalho, ou para realizar atividades físicas, é crescente e uma das reivindicações dessas pessoas é a instalação de ciclovias no município. As mesmas, além de garantir mais segurança aos ciclistas, também facilitam o trânsito.

Com o intuito que trabalhar e melhorar a mobilidade urbana de Xanxerê, o vice-prefeito Ivan Marques, elaborou um projeto de ciclovias em horários especiais. O mesmo prevê que parte dos locais reservados para estacionamento rotativo, sejam pintados de vermelho e das 19h às 23h, o mesmo se transforme em uma ciclovia.

“A questão das ciclovias em horários diferenciados, seria assim: nós escolheríamos alguns itinerários aqui na cidade, pintaríamos esse acostamento de vermelho, faríamos uma sinalização e as pessoas estacionariam os carros em qualquer horário, menos no horário o da ciclovia que seria das 19h às 23h, ou seja, nesse horário você só estaciona o veículo do outro lado da rua. Não atrapalha o comércio, pois é só de um lado”, explica Ivan.

Para o projeto ser finalizado, Ivan comenta que falta a sinalização do poder executivo. “Para esse projeto ser finalizado falta o executivo sinalizar que tem interesse de fazer isso, e colocar em prática. Nós temos um conselho de trânsito de Xanxerê, que é muito atuante e eu quero levar isso para eles. Como sou vice-prefeito acredito que isso se tornará mais fácil”.

A expectativa é que o projeto possa ser implantado no próximo ano no município. “Eu tenho conversado com o prefeito, mas estamos dando prioridade a outras questões, pois estamos com o orçamento bem apertado, mas acredito que no próximo ano, o projeto tem tudo para acontecer. Claro, vamos conversar com os comerciantes, com as associações de moradores para trabalhar em cima disso. Como o projeto vai passar por diversas ruas, nós vamos sentar com o conselho de trânsito e ajusta-lo, mas é tudo uma questão de bom censo”, conclui.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais