Projeto visa beneficiar famílias de Xanxerê que esperam por energia elétrica

19 de julho de 2018 10:14
Comunidade , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Projeto visa beneficiar famílias de Xanxerê que esperam por energia elétrica Foto: Divulgação

O vereador Wilson Martins dos Santos (PSDB) protocolou um Projeto de Lei, na tarde desta quarta-feira (18/07), que visa beneficiar centenas de famílias que estão com imóveis sem regularização e, consequentemente, sem energia elétrica por conta da falta de alvará de construção e/ou habite-se. O projeto é semelhante ao apresentado por um vereador de Florianópolis e já está sendo encampado pela Celesc que pretende levar para todos os municípios onde tem a concessão de distribuição de energia.

O projeto é apresentado por Wilson, o qual destaca que a Iguaçu Distribuidora de Energia Elétrica, responsável pela distribuição de energia elétrica no município, só estaria impedida de fazer o serviço em áreas de preservação permanente ou de risco conforme a classificação da Defesa Civil. Além disso, o imóvel precisa estar cadastrado junto à prefeitura. Caso daqueles imóveis que já pagaram pela regularização de seus imóveis, mas que ainda não tiveram sucesso e tão pouco tiveram a ligação da energia elétrica em suas residências.

De acordo com o vereador, o objetivo é fazer com que todas as famílias que, mesmo não tendo posse da propriedade, tenham o benefício da energia elétrica.

“Estamos tratando aqui do princípio da dignidade humana estabelecido na constituição. Há tempos temos procurado uma solução para resolver esta questão e dar a dignidade para estas famílias. Um projeto com o mesmo teor deste apresentado por nós, foi aprovado em Florianópolis e vai servir como exemplo para o resto dos municípios onde a Celesc tem a concessão. Por termos uma concessionária diferente aqui no município é que apresentamos este projeto para acelerar este processo que tem causado grande tristeza para estas famílias”, declarou o vereador.

Wilson Martins manteve contato com a presidência da casa que se mostrou totalmente favorável à proposta. “Tivemos o apoio da presidência e vamos acelerar a discussão o mais rápido possível. Queremos dar celeridade ao processo e votar o projeto o quanto antes. A própria Câmara de Vereadores deverá fazer o cadastramento das famílias que estão esperando a ligação da energia”, destacou o vereador por meio de assessoria de imprensa.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais