Quarta-feira terá queda brusca das temperaturas, alerta Defesa Civil

1 de julho de 2019 13:08 | Visualizações: 324
Clima , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Quarta-feira terá queda brusca das temperaturas, alerta Defesa Civil Foto: Divulgação

A previsão do tempo para esta semana aponta chuva e frio. Por isso, prepare os casacos. De acordo com a Defesa Civil, a chegada de uma frente fria no Estado, já trouxe chuva com trovoadas desde as primeiras horas da madrugada na porção Oeste, assim como na Grande Florianópolis, Planalto e Litoral Sul.

Desta forma, a segunda-feira (1º), será marcada por bastante nebulosidade, com possibilidade de pancadas de chuva isoladas, acompanhadas de trovoadas, podendo ser forte, no período da tarde/noite. Devido ao tempo fechado, as temperaturas permanecerão baixas ao longo do dia.

Nesta terça-feira (02), as instabilidades permanecem atuando em todo Estado, com possibilidade de chuva a qualquer hora do dia. Durante o período da tarde, a chuva ganha força, acompanhada de raios e rajadas de vento forte.

Na quarta-feira (03) ainda existe condição de pancadas de chuva na madrugada, podendo ser forte, acompanhadas de trovoadas e rajadas de vento. A partir da manhã, a chuva perde força, porém o dia ainda deve ser marcado por bastante nebulosidade e há condições para chuva fraca nas primeiras horas do período. Destaca-se a queda brusca das temperaturas, a partir da tarde e, principalmente à noite, com ventos de quadrante sul. Em Xanxerê, a mínima será de 6ºC e máxima de 16ºC.

A tendência para quinta-feira (04) é de tempo firme, porém com temperaturas muito baixas e sensação de muito frio. Já para sexta-feira (05), a nebulosidade aumenta, devido à atuação de um sistema de baixa pressão no oceano, transportando umidade do mar para o continente, reforçando alguns momentos com previsão de garoa. Devido à presença de ar muito frio acumulado até os médios níveis da atmosfera, existe a possibilidade de uma chuva congelada e neve nas áreas altas das regiões oeste, planalto sul do estado. Ressalta-se que os ventos intensos nestes dias podem provocar a condição de mar agitado e uma possível ressaca.

Qualquer problema deve ser comunicado à coordenadoria municipal de Defesa Civil, através do telefone de emergência 199 ou Corpo de Bombeiros 193.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais