Quedas constantes de energia em Xanxerê voltam a ser discutidas na Câmara de Vereadores

15 de maio de 2017 10:28
Comunidade , Variedades , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Quedas constantes de energia em Xanxerê voltam a ser discutidas na Câmara de Vereadores (Foto: Patrícia Silva/Lance Notícias)

Ainda na quarta-feira (03) de maio, a Iguaçu Energia respondeu o requerimento dos vereadores de Xanxerê, o qual solicitavam a concessionaria enviasse em pelo menos cinco diferentes pontos da cidade, em horários alternados do dia, indicando as oscilações de tensão elétrica nas redes de energia de Xanxerê. Os vereadores pediram ainda, o motivo das oscilações.

Confira a resposta da concessionária:

“Quanto às oscilações que estão fora da faixa estabelecida pelas resoluções da ANEEL, são compensadas financeiramente até que ocorra a correção do problema e os parâmetros normais sejam estabelecidos. Quanto à iluminação pública, seria necessária aferição “in loco” para verificar as razões das queimas de lâmpadas. Quanto às quedas de energia, para que não ocorram prejuízos, é necessária a identificação dos consumidores atingidos. Quanto ao ressarcimento de danos elétricos aos consumidores atendidos em baixa tensão, o procedimento a ser realizado está disposto nos artigos 203 a 211 da Resolução Normativa da ANEEL nº 414/2010, como também nos procedimentos de distribuição do PRODIST Módulo 9, estabelecido pela ANEEL”.

Na sessão desta segunda-feira (15), o assunto será discutido novamente. Isso porque o Vereador Luiz Augusto Ceni, irá realizar um requerimento para que o Aneel se manifeste acerca da correspondência 0496/2017 da Iguaçu Energia, que trata das quedas e oscilações de tensão nas redes de energia elétrica no Município de Xanxerê.

Já o vereador Adriano de Martini, presidente da casa, irá realizar duas indicações, uma para que o Executivo Municipal através da Secretaria de Obras, Transportes e Serviços e empresa terceirizada realize uma aferição na iluminação pública “in loco”, coletando dados de frequência de queimas de lâmpadas, logradouros e pontos exatos de maior reincidência das queimas, indicação Nº 289/2017.

E outra, para que o Executivo Municipal, através da Secretaria de Obras, Transportes e Serviços e empresa Continental responsável pelas podas das árvores no perímetro urbano, realize, frequentemente, a verificação e podas nas árvores que forem necessárias, pois conforme levantamento, este é o principal motivo das “frequentes” quedas de energia elétrica em nosso município, indicação Nº 290/2017.

A sessão da Câmara de Vereadores desta segunda-feira (15), terá início às 19h e também pode ser assistida pela TV Câmara.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais