Recicladores de Xanxerê seguem em barracão alugado aguardando pela construção do local próprio

6 de março de 2019 09:23 | Visualizações: 255
Comunidade , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Recicladores de Xanxerê seguem em barracão alugado aguardando pela construção do local próprio (Foto: Francieli Rech)

Os recicladores de Xanxerê aguardam ansiosamente pela construção de seu barracão próprio para que possam exercer o seu trabalho. Hoje, eles trabalham em um barracão alugado pela Prefeitura, localizado nas proximidades do Parque da Femi.

De acordo com Librante Siqueira, presidente da Associação dos Recicladores Xanxerenses Amigos da Natureza (Arxan), o local é bom para trabalhar, mas, a maior dificuldade encontrada por eles nesse momento é a falta de material.

– O barracão que nós estamos é bom trabalhar, já acostumamos, mas, estamos enfrentando dificuldades com o material, está vindo pouca coisa. Dividimos o local com a Associação Vida Nova e cada dia vem uma carga para um. As empresas, supermercados, estão mandando os materiais recicláveis para a Continental e está vindo menos para nós – comenta.

Segundo Librante, hoje, as famílias que vivem da reciclagem precisam se manter com valores entre R$ 400 e R$ 600 por mês. E, um problema enfrentado por esses trabalhadores no local é a falta de água.

– Nós ficamos bastante sem água, e água é uma coisa que usamos muito aqui, fizemos até comida no barracão e não podemos ficar sem. Tem o poço artesiano ao lado do barracão e mesmo assim ficamos sem água quase todos os dias – conta.

Além disso por conta do aumento do valor do aluguel do barracão, não há mais um repasse da Prefeitura para as Associações, que eram repassados do valor que sobrava do aluguel.

– O valor que sobrava do aluguel também não vamos mais receber, porque aumentou o valor. E, também, tem bastante catadores nas ruas, que recolhem os materiais recicláveis. Já convidamos essas pessoas para fazer parte da associação, mas eles não quiseram. Outra coisa que atrapalha o nosso trabalho é o lixo descartado incorretamente, que poderia ser trazido para nós, mas muitas pessoas preferem jogar na rua – destaca.

Agora, a expectativa é pela construção do barracão próprio para ser utilizado pelas duas Associações. Conforme Librante, a Prefeitura está realizando reuniões com os recicladores e a promessa é que a obra seja feita até o fim deste ano.

– Nós cobramos sempre da Prefeitura e até que ele não seja feito, não vamos parar de cobrar. O valor veio para nós e estamos cobrando o que é nosso por direito – conclui.


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais