Réu é condenado a 19 anos de prisão em regime fechado

4 de junho de 2016 07:57
Comunidade , Polícia Compartilhar no Whatsapp
Réu é condenado a 19 anos de prisão em regime fechado O homem foi condenado a 19 anos (Foto: Luiz Briza Junior)

Em Júri realizado na última quinta-feira (2) no Fórum da Comarca de Abelardo Luz, presidido pela Juíza Monica Fraccari, o réu Eloir Maciel teve a sentença fixada em dezenove anos de regime fechado por homicídio qualificado e corrupção de menor, já que seu filho, E.C.M., aparece na cena do crime.

O assassinato aconteceu em 15 de janeiro de 2015, no bar a Célia, próximo a estrada de chão que liga Abelardo Luz a Ouro Verde. Era por volta das 16 horas quando o réu Eloir Maciel entrou no estabelecimento e disparou seis vezes contra a vítima Tiago Alex Ferreira, como conta nos autos. O motivo teria sido a desavença do filho de Maciel com a vítima. O menor, que na época do crime tinha 16 anos, teria ajudado o pai a fugir do local.

Na defesa, o advogado Cristiano Toffollo, fez a sua tese de que o crime não teria sido praticado por motivo fútil, o que daria ao autor uma pena privilegiada. Porém a promotoria, representada por Marcionei Mendes derrubou a tese.

“Motivo fútil é de valor insignificante ou desproporcional, ou seja, o que levou a pessoa a matar é desproporcional ao resultado morte. As desavenças anteriores, neste caso,  não eram tão significantes ao ponto de uma vida ser tirada” explicou Mendes.

Maciel está preso desde janeiro de 2015 e pode recorrer da sentença, mas em regime fechado. Ele está no presídio de Xanxerê. (Com informações da Rádio Rainha das Quedas)

 


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais