SC tem saldo negativo de 4 mil postos de trabalho formais em junho, diz Caged

21 de julho de 2018 10:13
Empregos Compartilhar no Whatsapp
SC tem saldo negativo de 4 mil postos de trabalho formais em junho, diz Caged (Foto: Gilson Abreu/FIEP)

Santa Catarina terminou junho com um saldo negativo de 4.020 posto de trabalho formais, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados na tarde dessa sexta-feira (20). O setor que registrou mais demissões em relação a contratações no estado foi o da indústria.

Esse setor teve saldo negativo de 2.531 empregos. O comércio aparece em seguida, com saldo de 1.190 empregos a menos. O setor de serviços teve saldo negativo de 324 e a agropecuária, de 114.

Tiveram mais contratações do que demissões os setores da construção civil, com saldo positivo de 55, da administração pública, com 50, e o de serviços industriais de utilidade pública (como energia elétrica e água), com 39.

Do total do saldo negativo de 2.531 empregos na indústria, o subsetor com pior resultado foi o têxtil, com 1.428 postos.

O consultor econômico da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc) diz que é preciso olhar para o semestre inteiro. “Em função da paralisação dos caminhoneiros, em maio, em junho está refletindo”, afirma.

“Se você pegar e olhar o trabalho na indústria de transformação no semestre, há um desempenho muito bom”, completa. “O futuro é uma incógnita. No momento atual, temos pressões internas e externas”, diz. Como internas, ele fala sobre a eleição presidencial, que deixa os empresários receosos. Como externas, ele cita a insegurança dos investidores internacionais em investir no país e as discussões sobre acordos comerciais entre China e Estados Unidos, que podem gerar uma brecha para exportações brasileiras. (Fonte: G1)


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais