Senar promove formatura do Jovem Aprendiz Cotista em Xanxerê

22 de agosto de 2018 08:01
Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Senar promove formatura do Jovem Aprendiz Cotista em Xanxerê Foto: divulgação

Promover a formação técnico-profissional estimulando os jovens para a inserção no mercado de trabalho em atividades voltadas para o meio rural. Com esse objetivo o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/SC), órgão vinculado à Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (FAESC) realiza o programa Jovem Aprendiz Cotista (JAC). Nesta sexta-feira (24) mais uma turma concluirá o curso em Auxiliar Administrativo e Financeiro no município de Xanxerê. Serão 12 jovens de 14 a 24 anos que participarão da formatura que será realizada às 19 horas na Sede Campeste do Clube Sete de Setembro.

O programa é desenvolvido com base na Lei da Aprendizagem nº 10.097/2000, regulamentada pelo Decreto nº 5.598/05. O curso de Auxiliar Administrativo e Financeiro possui carga horária total de 960 horas, sendo 480 horas de teoria e 480 horas de prática profissional. “No programa são atendidos, preferencialmente, jovens de baixa renda os quais são capacitados para o ingresso no mercado de trabalho em condições especiais, sem prejuízo da escolaridade formal, por meio de atividades controladas e em ambiente protegido, conforme prevê a legislação vigente”, explica o superintendente do SENAR/SC Gilmar Antônio Zanluchi.

As aulas foram desenvolvidas com o apoio total do Sindicato Rural de Xanxerê. De acordo com o presidente Bruno Linhares Bortoluzzi o programa é importantíssimo para preparação dos jovens para o mercado de trabalho. “O JAC oferece condições de iniciar a vida profissional no tempo certo e com qualificação adequada. Temos certeza que trará reflexos positivos para o futuro dos aprendizes. Além disso desperta o interesse para a atuação no agronegócio estimulando a permanência no campo e contribuindo para a redução do êxodo rural e da valorização do empreendedorismo rural”.

A jovem Ana Carolina Dassi Filvock, de 17 anos, participou do programa e desenvolveu as atividades profissionais na empresa BR Foods. Ela resolveu participar do curso porque considerou uma excelente oportunidade de crescimento pessoal e profissional colocando em prática tudo que aprendeu em sala de aula. “Aliamos a teoria e a prática e isso possibilitou uma melhor absorção do conteúdo estudado. Tivemos um acompanhamento muito bom por parte do SENAR/SC que contribuiu para a nossa formação. Sem dúvidas será um grande diferencial para o nosso futuro, além disso fizemos grandes amizades com colegas e professores que levaremos para a vida toda”, relata.

O curso desenvolveu atividades diárias e limitadas em quatro horas, garantindo que os adolescentes cumprissem efetivamente os três pilares do processo de ensino aprendizagem: escola, trabalho e formação profissional. “A educação é fundamental para o desenvolvimento do agronegócio no País. Investimos, por meio do SENAR/SC, em treinamentos e projetos que estimulam a capacitação e o desenvolvimento dos produtores rurais catarinenses e acreditamos que a educação promove transformações. O Programa Jovem Aprendiz Cotista é uma dessas ferramentas de estímulo à transformação”, complementa o presidente do Sistema FAESC/SENAR, José Zeferino Pedrozo.

 


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais