Servidores da educação recebem orientação de normas sanitárias

15 de dezembro de 2016 08:27
Comunidade Compartilhar no Whatsapp
Servidores da educação recebem orientação de normas sanitárias (Foto: Divulgação)

 

A Vigilância em Saúde de Xanxerê, por meio da Vigilância Sanitária e Programa de Combate à Dengue promoveu na manhã desta quarta-feira (14) capacitação com os diretores, manipuladores de alimentos e responsáveis pelo setor de limpeza das escolas e creches municipais. Ao todo foram orientados 45 servidores.

O objetivo foi informar sobre o panorama atual da dengue no município e os cuidados no ambiente de trabalho quanto a locais que possam servir de criadouros do mosquito Aedes aegypti. Também foi solicitado que os professores trabalhem a temática da dengue em sala de aula, para que os alunos se tornem propagadores juntos as famílias e suas comunidades.

A capacitação deixou claro que os cuidados com a limpeza de terrenos e casas – para minimizar a proliferação do mosquito – deve fazer parte do cotidiano dos xanxerenses, devido ao grande número de focos (690) e uma eminente epidemia de dengue.

 

Manipulação de Alimentos

O treinamento, que é inédito no município, teve ainda o repasse de informações na necessidade da capacitação na manipulação de alimentos nas escolas. As pessoas que atuam nesta área foram orientadas a evitarem possíveis contaminação, seguindo normais estabelecidas pela Vigilância Sanitária durante o manuseio com os alimentos, desde a fabricação até o consumo dos alunos.

 

Higienização e limpeza

Os servidores também foram orientados sobre o processo de limpeza e higienização das unidades escolares, que devem seguir protocolos como, por exemplo, produtos apropriados para cada ambiente escolar.  Também a Vigilância Sanitária orientou para que as unidades sigam cronogramas de limpeza de como, quando, quem e como serão realizadas as limpezas.

“Uma higienização bem executada evita inúmeras enfermidades que podem ser adquiridas em um ambiente escolar. O nosso objetivo neste treinamento é fortalecer a segurança alimentar e de higienização de uma foram geral dentro das escolas, garantindo maior segurança aos alunos e servidores, e deixando os pais mais seguros de que a unidades seguem as normais sanitárias”, destacou o coordenador da Vigilância em Saúde, Ildomar da Silva.

O treinamento foi ministrado pelo Coordenador Ildomar da Silva, o biólogo Gilbrair de Carvalho e a farmacêutica Adriana Favreto, ambos fiscais da Vigilância Sanitária. Também foram repassadas informações pela supervisora do Programa de Combate à Dengue, Janete Rodrigues.

 

 


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais