Sicredi Região da Produção renova parcerias

9 de fevereiro de 2019 19:02
Assessoria de imprensa , Comunidade Compartilhar no Whatsapp
Sicredi Região da Produção renova parcerias Foto: Divulgação

A Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) e a cooperativa Sicredi Região da Produção RS/SC/MG renovaram, nesta semana, a parceria entre as entidades. Participaram o presidente da ACIC, Cidnei Barozzi, o diretor financeiro adjunto, Sérgio Perondi, o diretor executivo da ACIC, Fabio Magro, o presidente da Sicredi Região da Produção, Saul João Rovadoscki, o diretor executivo, Luis Francisco Sander e o gerente da Agência Empresarial Chapecó, Anderson Fronza.

Rovadoscki destacou que o desenvolvimento empresarial está estritamente ligado com a disponibilidade de investimento no negócio. A injeção de recursos financeiros, na maioria das vezes, é imprescindível para o sucesso de qualquer empreendimento.

– Em conjunto com a intenção de empreender e do otimismo de ter o próprio negócio, o cooperativismo de crédito pode ser uma boa opção para oferecer soluções financeiras que contribuem nesse processo, além de fortalecer e ampliar as vantagens para os associados da cooperativa e da entidade parceira. O Sicredi tem esse componente positivo que é a cooperação – cita.

De acordo com o presidente, a Sicredi oferece soluções financeiras e é um importante instrumento de incentivo para o desenvolvimento econômico e social.

– A Sicredi Região da Produção RS/SC/MG aposta também no associativismo. Como uma cooperativa de crédito, temos a intenção de fomentar as empresas de cada região. Para isso, estabelecemos parcerias que potencializam o desenvolvimento. Com os associados da ACIC é assim, oferecemos ampla linha de produtos e serviços, destacando o associativismo como um pilar importante de cada comunidade – diz.

Barozzi ressaltou a importância da parceria para atender demandas dos associados.

– Por meio dela, é possível promover a cooperação de produtos e serviços que as entidades dispõem, projetos e capacitações de interesse comum em busca do atendimento das necessidades das empresas e pessoas representadas  – conclui.

 

 


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais