Torcedor xanxerense personaliza carro com cores e escudos do Palmeiras

26 de novembro de 2018 19:10 | Chapecoense , Comunidade , Esporte em destaque , Variedades , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Torcedor xanxerense personaliza carro com cores e escudos do Palmeiras Fotos: Alessandra Bagattini/Lance Notícias

A paixão verde e branca de Carlos Francio vem desde de criança. Foi no esporte que o xanxerense conseguiu reunir as cores e vivenciar várias emoções. Em relação aos times, o torcedor tem o coração divido: um pouco de Chapecoense e o resto do Palmeiras.

Para eternizar o amor aos times, Carlos adquiriu um Chevette e fez dele o seu mascote do Palmeiras. O carro é todo personalizado, desde os bancos até as rodas e, o torcedor garante que faz sucesso por onde passa.

– Eu sempre gostei de torcer para a Chape e para o Palmeiras. A Chape é desde a Série C e o Palmeiras desde moleque. E devido ao nosso amor, resolvi fazer o carro personalizado. Reuni as cores que mais gosto – conta.

A escolha do carro que foi personalizado também não foi simples. Carlos também é apaixonado por carros antigos e por conta disso escolheu o Chevette.

– Eu também gosto muito de carros antigos. Pensei bastante e acabei escolhendo o Chevette – relembra.

Toda a transformação demorou cerca de um ano para ficar pronta. O torcedor garante que o veículo é sua paixão.

– Foi quase um ano para ele ficar pronto. Fizemos na chapeação perto de casa, e um colega meu fez a pintura com as logomarcas do Palmeiras. Essa foi a parte que mais demorou – cita.

Vitória do Palmeiras

Com a vitória do Palmeiras sobre o Vasco nesse domingo (26), o xanxerense aproveitou para sair as ruas e festejar. Com isso, o time completou a impressionante marca de 22 jogos sem perder, o que também foi motivo festa.

– Ontem (25) sai pelas ruas com meus filhos para festejar. Fiquei muito feliz. Palmeiras é meu time do coração. Foi muito bom, o pessoal fica olhando o carro, mas realmente chama a atenção – conclui.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais