Vereador comenta aplicação do recurso de R$180 mil em Natal de Xanxerê

22 de novembro de 2017 13:44
Comunidade , Natal , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Vereador comenta aplicação do recurso de R$180 mil em Natal de Xanxerê (Foto:Patrícia Silva/Lance Notícias)

Este ano, o Natal de Xanxerê conta com recursos da iniciativa privada. Ainda no lançamento do Natal 2017 do município, foi destacado o valor de R$180 mil oriundos de uma parceria com a empresa rafitec.

O vereador Vilson Piccoli, comentou sobre a aplicação do recurso de R$180 mil no Natal de Xanxerê. Este recurso veio para o município por meio da Lei Rouanet, da iniciativa privada.

“O ano passado nós tivemos um valor muito pequeno na aplicação do natal de Xanxerê, agora, este ano, nós temos um incremento de 180 mil, um valor muito bom. Porém, com um valor destes eu acho que dá para fazer muita coisa, a gente vai acompanhar onde vai ser aplicado esse recurso e analisar o que vai ser feito a mais comparado com o ano passado”, destaca Piccoli.

Sobre a Lei Rouanet

Principal mecanismo de fomento à Cultura do Brasil, a Lei Rouanet, como é conhecida a Lei 8.313/91, instituiu o Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac). O nome Rouanet remete a seu criador, o então secretário Nacional de Cultura, o diplomata Sérgio Paulo Rouanet. Para cumprir este objetivo, a lei estabelece as normativas de como o Governo Federal deve disponibilizar recursos para a realização de projetos artístico-culturais. A Lei foi concebida originalmente com três mecanismos: o Fundo Nacional da Cultura (FNC), o Incentivo Fiscal e o Fundo de Investimento Cultural e Artístico (Ficart). Este nunca foi implementado, enquanto o Incentivo Fiscal – também chamado de mecenato – prevaleceu e chega ser confundido com a própria Lei.


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais