Vigilância Entomológica registra até agora 498 focos do mosquito Aedes aegypti em Xanxerê

23 de agosto de 2019 14:04 | Visualizações: 77
Comunidade , Saúde Compartilhar no Whatsapp
Vigilância Entomológica registra até agora 498 focos do mosquito Aedes aegypti em Xanxerê Foto: Divulgação

O inverno no Sul do país não foi tão rigoroso como nos últimos anos e, mesmo com as temperaturas mais amenas, o mosquito Aedes aegypti não para de se reproduzir. Conforme a Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (DIVE/SC), no período de 30 de dezembro de 2018 a 10 de agosto de 2019, foram identificados 22.224 focos do mosquito Aedes aegypti em 182 municípios.

Em Xanxerê, conforme a coordenadora de Vigilância em Saúde de Xanxerê, Marcia Puccini Vieira, foram identificados de janeiro até 23 de agosto desse ano o total de 498 focos.

Confira abaixo a relação pelos meses em 2019.

– Por conta que não tivemos um inverno rigoroso, esses 498 focos até agora é um número compatível com a realidade do clima – explica Marcia.

Em Xanxerê há 90 armadilhas espalhadas em todos os bairros que são monitoradas pelas equipes a cada 7 dias. Há também no município 24 pontos estratégicos, ou seja, em borracharias, no Parque da Femi, cemitério, etc, que são monitorados há cada 15 dias.

– A contagem dos focos é feita através das armadilhas e o estado tem um programa chamado Levantamento de Índice Rápido para o Aedes aegypti (LIRAa) que acontece nos meses de março e novembro onde é feita essa varredura onde aumenta esse número de focos – comenta.


Por: Carol Debiasi

Deixe seu comentário

Saiba Mais