Xanxerê sediará II Seminário Cão Funcional, com prova de certificação inédita no país

14 de agosto de 2018 15:33
Comunidade , Polícia , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Xanxerê sediará II Seminário Cão Funcional, com prova de certificação inédita no país Imagem Ilustrativa (Foto: Divulgação)

Entre os dias 13 e 16 de setembro, Xanxerê sediará o maior evento de certificação de cães de trabalho policiais e de provas de certificação que a Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC) já realizou.

Já são 46 inscritos oriundos de diversos estados como Mato Grosso do Sul, São Paulo, Rio grande do Sul, Paraná, Rondônia e também policiais do Uruguai e da Argentina, que ainda vão confirmar presença.

Conforme o cabo Edemar Luiz da Silva, organizador do evento, só do estado de Santa Catarina, quase todos os canis setoriais terão representantes participando do seminário em Xanxerê.

As atividades e alojamentos serão centralizados no Parque de Exposições Rovilho Bortoluzzi e a maioria das instruções serão feitas no local. Serão três dias de instruções, da quinta (13) até o sábado (15) e no domingo (16), haverá as provas de certificação.

“Serão três dias de instruções que vamos tratar especificamente de cão de polícia, guarda e proteção e o uso da focinheira para o trabalho de cão de polícia. Teremos também dentro do seminário as provas de certificação da CBKC, que estará certificando o cão funcional, que é o cão de patrulha, os cães de busca e captura e os cães de detecção. No domingo vamos ter a realização de algumas provas abertas ao público. Pretendemos fazer em frente à Praça e será aberto ao público para a comunidade assistir e ver como trabalhamos com os cães”, explica Edemar.

Além disso, haverá instruções de busca em mata e edificações, que irã acontecer em locais fora do Parque.

Inclusive, Edemar, além de organizar o evento, busca também certificar mais cães do canil de Xanxerê, visando qualificar o trabalho e atendimento à comunidade.

“Vou participar também, vamos certificar nossos cães. Não será uma participação tão efetiva, pois vou estar organizando o evento também, mas a intenção é participar também. Estou em contato com o pessoal da CBKC, a pauta é bem extensa, teremos que fazer também instruções à noite, tem bastante conteúdo para ser abordado”.

Além da prática, haverão também palestras sobre o cão funcional com o Janott Coelho, que é coordenador do departamento do cão funcional da CBKC, que cuida especificamente dos cães de trabalho. Haverá também uma palestra com Leonardo Cone, comissário de polícia do Uruguai, que ministrará uma palestra sobre a formação de patrulha para busca e captura.

“O Leonardo vai trazer experiências de como eles trabalham no Uruguai e todo o seminário em si vai ser muito produtivo e com bastante conhecimento novo, muita troca de ideias com outros estados e toca de experiências, assim como eu e o Thor também vamos repassar um pouco do que sabemos”, comenta o cabo.

 

Prova inédita

A prova que acontecerá em Xanxerê no domingo (16), conforme Edemar, é a primeira prova de busca e captura já realizada no Brasil.

Essa é a primeira vez que essa prova será realizada no Brasil, nunca foi feita certificação dessa modalidade de policiamento. Inclusive, eu, o Leonardo Cone, o Carlo Grossi, da Argentina, e outro policial do Amazonas, junto com o Janott Coelho da CBKC, estamos elaborando a prova que será aplicada em Xanxerê”, explica.

Conforme o capitão da 14ª Companhia de Polícia Militar, capitão Vilte dos Santos, essa é a segunda vez que Xanxerê recebe um seminário desse porte e que a intenção é tornar esse um evento anual.

“Para Xanxerê é um evento de grande importância. Esse é o segundo seminário que vai acontecer aqui, o primeiro aconteceu em 2016. A ideia é que seja feito um seminário por ano no município, porque isso é interessante tanto para a Polícia Militar do Estado de Santa Catarina, tanto para as demais policias do pais, porque vai qualificar, tanto o policial quanto o cão, para atender as demandas da comunidade. O cão recebe o treinamento para auxiliar nas ocorrências e o policial tem a responsabilidade sobe o cão, de dar os comando necessários para o cão”, comenta.

 

Reconhecimento

Para Vilte, a Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), já desempenha um bom trabalho com cães e atividades como essa qualificam ainda mais esse trabalho no estado.

“Na PMSC temos bons cães e bons profissionais que trabalham com eles e na 4ª Companhia, temos o cabo Edemar, que tem uma dedicação incrível para esse trabalho com os cães e depois que ele assumiu o canil da companhia ele tem buscado qualificação para ter um cão referência e colocou Xanxerê como referência de trabalho com o cão funcional para os demais estados e também a nível de Brasil. O que o Thor pode realizar no trabalho policial, é um dos melhores cães da PMSC e referência nacional, tanto é que os demais estados tem nos procurado para a troca de experiências”, conclui.

São apoiadores, parceiros e patrocinadores do evento A P4 Telecom, Adestra Cão, Seu Pet e Israel Rocha.


Por: Alessandra Oliveira

Deixe seu comentário

Saiba Mais