Xanxerê será beneficiada com construção de cisternas

9 de dezembro de 2016 13:46
Comunidade Compartilhar no Whatsapp
Xanxerê será beneficiada com construção de cisternas (Foto: Divulgação)

Cisternas do Programa Água para o Campo devem ser construídas a partir de janeiro de 2017. Ao todo, serão 311 cisternas em 13 regiões de Santa Catarina, um investimento que supera os R$ 13,5 milhões. O Programa Água para o Campo atenderá produtores rurais com financiamentos para construção de cisternas de 500 mil litros de água. Nesta quinta-feira, 8, o secretário de Estado da Agricultura e da Pesca, Moacir Sopelsa, assinou as ordens de serviço para que as duas empresas vencedoras da licitação dêem início às obras.

Esta é a segunda fase do programa iniciado em 2015, que já apoiou a construção de 85 cisternas nas regiões de Seara, Concórdia, Chapecó e Itapiranga. Com o Água para o Campo, o Governo do Estado quer incentivar os suinocultores e avicultores catarinenses a investirem na captação de água da chuva, assegurando o abastecimento nas propriedades rurais com água de qualidade, inclusive durante as estiagens. Nesta segunda fase do programa, as regiões beneficiadas serão Concórdia, Seara, Joaçaba, Campos Novos, Videira, Xanxerê, Chapecó, Palmitos, Maravilha, Quilombo, São Lourenço do Oeste, Itapiranga e São Miguel do Oeste.

O programa é voltado para as localidades com maior incidência de estiagens nos últimos anos e com maior número de granjas de suínos e aves de corte. Segundo o secretário da Agricultura e da Pesca, Moacir Sopelsa, as cisternas ajudam a manter a normalidade na produção animal durante os períodos de estiagem. “As cisternas trazem mais segurança para os produtores rurais, que terão melhores condições de enfrentar as estiagens com mais tranqüilidade”, afirma.

O Programa Água para o Campo financia para os agricultores a construção de cisternas, com recursos oriundos do Pacto por Santa Catarina, através do Fundo de Desenvolvimento Rural (FDR), no valor aproximado de R$ 43 mil, o qual pode ser pago em cinco parcelas anuais sem adição de juros, e caso o agricultor opte por pagar o valor total do financiamento no primeiro ano, receberá 50% de desconto.


Por: Patricia Silva

Deixe seu comentário

Saiba Mais