Xanxerense aguarda há dois anos por consulta com especialista

28 de setembro de 2017 09:18
Comunidade , Lance Notícias , Saúde , Xanxerê Compartilhar no Whatsapp
Xanxerense aguarda há dois anos por consulta com especialista Foto: Divulgação

Marli de Fátima Ferreira, de 47 anos, que reside na Linha Aterro Alto em Xanxerê, alega que está há dois anos esperando por uma consulta com um especialista de coluna. Segundo a mesma, o encaminhamento da documentação foi realizado em abril de 2015.

“Eu estou há dois anos esperando. Eu tenho um encaminhamento de coluna com um médico de Chapecó para fazer uma cirurgia e ainda não me chamaram. Tenho todos os documentos, xérox, e agora em abril fez dois anos que estou esperando. Eu tenho como provar que estou todo esse tempo”, diz.

Segundo a xanxerense, devido ao problema de coluna, ela não consegue trabalhar, por isso depende da cirurgia.

“Eu fui no agendamento, no dia 1 de abril, e eles me colocaram na fila em agosto de 2015. E agora em abril, fez dois anos que estou na fila. Estou correndo atrás mas até agora nada. Não consigo trabalhar, e nós moramos no interior. Está bem difícil mesmo. Eu já fiz uma cirurgia em uma mão e em 90 dias era para fazer de outra e ainda não me chamaram. Tenho esses dois problemas pendentes. A consulta faz dois anos e a outra cirurgia que era para sair em 90 dias, já faz um ano”.

Marli destaca ainda que tem uma amiga que está na fila há três anos. “Tem uma amiga minha que está há três anos, e eles perderam os papeis e ela teve que iniciar o tratamento tudo de novo”.

Contraponto

Em contato com a diretora da Secretaria Municipal de Saúde, Cleci Zani, a mesma comenta que tem conhecimento sobre o caso e diz que em breve Marli irá realizar a cirurgia na outra mão.

“A Marli é nossa paciente e ela está na fila para fazer uma cirurgia da mão. Ela já foi atendida por um médico ortopedista que existe na rede e a indicação é cirúrgica, e nós estamos, fechando o acerto com o Hospital para iniciar as cirurgias eletivas. A Marli está na lista e será atendida”.

Em relação ao problema de coluna de Marli, Cleci diz que a fila de espera é de Chapecó.

“Em relação ao problema de coluna, é uma cirurgia de alta complexidade e nós não temos estrutura. Então precisa ir para Chapecó e a fila é de Chapecó. É um procedimento mais demorado. O encaminhamento de pacientes que precisam de cirurgia em ortopedia em alta complexidade, a nossa referência é Chapecó, então ela está na fila de lá e o controle é realizado por eles. Nós não temos essa gerencia”.


Por: Alessandra Bagattini

Deixe seu comentário

Saiba Mais